Conjuntura Mapa: Só a Itália vai crescer menos que Portugal na Zona Euro em 2017

Mapa: Só a Itália vai crescer menos que Portugal na Zona Euro em 2017

O FMI está pouco optimista para a evolução da economia mundial e as perspectivas para Portugal não são animadoras. Veja o mapa com as previsões para a economia mundial.


O Fundo Monetário Internacional (FMI) antecipa uma ligeira desaceleração da taxa de crescimento da economia mundial, de 3,2% no ano passado para 3,1% neste ano, projectando 3,4% para 2017.

 

Os novos números do FMI foram divulgados nesta terça-feira, 4 de Outubro, no âmbito da actualização das Perspectivas Económicas Mundiais.

O FMI reviu significativamente em baixa a sua previsão de crescimento para a maior economia mundial, antecipando que, em ano eleitoral, os Estados Unidos cresçam apenas 1,6%, menos seis décimas do que estimava ainda há três meses.

 

Em contrapartida, graças a Espanha (mais 0,5 pontos percentuais, a maior revisão em alta entre as economias analisadas) e à Alemanha (mais uma décima), a Zona Euro deverá comportar-se um pouco melhor do que o FMI esperava, ao crescer 1,7% neste ano e 1,5% no próximo, em ambos os casos, mais uma décima do que era antecipado em Julho.

 

Já para Portugal, o FMI não mexeu nos números, depois dos cortes sucessivos feitos em Abril e Junho, esperando que a economia cresça 1% neste ano e 1,1% no próximo.

 

A confirmarem-se as previsões do FMI, 2017 será o oitavo ano consecutivo com o PIB de Portugal a crescer abaixo da média dos países do euro. Além disso, vai continuar no fundo da tabela. As estimativas do FMI apontam para que em 2017 só um país da Zona Euro estará pior do que Portugal: o PIB de Itália deverá crescer 0,9%. A Finlândia e o Reino Unido também deverão crescer 1,1% no próximo ano. Todos os outros deverão apresentar um desempenho superior.

 

Nas estimativas para este ano, segundo o FMI, haverá mais países do euro a fazer pior do que Portugal: Grécia +0,1%, Itália +0,8% e Finlândia +0,9%.

 

Alargando a geografia da análise com base nas estimativas do FMI para 2017, Portugal também continua a aparecer no fundo da tabela. Entre as economias definidas pelo FMI como avançadas, apenas a Itália, o Japão (0,6%) e Porto Rico (-0,5%) farão pior do que Portugal.

 
O economista chefe do FMI analisa os principais desafios da economia mundial:






A sua opinião29
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo 04.10.2016


PS ROUBA OS TRABALHADORES DO PRIVADO

FP SEMPRE A ROUBAR À GRANDE

Por que razão o cálculo da pensão da sua CGA era mais generoso do que o cálculo da pensão do regime geral?

Porquê?

Por que razão uns tinham reforma de filhos e outros reforma de enteados?

Esta discrepância logo à partida é que é razão para indignação, meu caro amigo.

A equiparação prometida é da mais elementar justiça.

Por que razão trabalha V. Exa. menos 5 horas semanais do que os trabalhadores dos sectores privados?

Pior: além de trabalhar menos horas, ainda tem direito a mais dias de férias.

Porquê?

Que razões podem justificar estes privilégios injustificáveis?

Que aritmética laboral pode justificar esta diferença entre V. Exa. e a restante população?

Que equidade pode existir aqui?

comentários mais recentes
04.10.2016

ganda noia, ó costa. os teus amigos cumunas e brochiistas são os maiores.

04.10.2016

ganda noia, ó costa. os teus amigos cumunas e brochiistas são os maiores.

A banda dos Xuxxas no seu melhor 04.10.2016

Significa que somos os 2ªs PIORES ? Cada vez tenho mais vontade de ir embora daqui.

Tem vergonha Ó Kosta 04.10.2016

ha grande Costa pá, és o maior, ha ha ha . . . tristeza

ver mais comentários
pub
pub
pub
pub