Política Marcelo diz que todos os portugueses acompanham com "carinho" situação de Mário Soares

Marcelo diz que todos os portugueses acompanham com "carinho" situação de Mário Soares

O Presidente da República desejou a recuperação e as melhoras de saúde do seu antecessor e que os portugueses sempre tiveram "carinho (...) com os presidentes que marcaram a nossa democracia".
Marcelo diz que todos os portugueses acompanham com "carinho" situação de Mário Soares
Miguel Baltazar/Negócios
Lusa 13 de dezembro de 2016 às 18:45
O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, afirmou hoje que, como todos os portugueses, acompanha "com carinho" a situação de saúde do antigo chefe de Estado Mário Soares, desejando as suas melhoras.

Questionado sobre o estado em que encontrou Mário Soares quando o visitou hoje cerca das 12:00, no regresso de Nova Iorque, Marcelo Rebelo de Sousa remeteu para as informações prestadas pelo porta-voz do Hospital da Cruz Vermelha.

"Nada como o porta-voz para informar qual é a situação", declarou aos jornalistas, no final de uma conferência sobre os 50 anos do Código Civil de 1966, na Reitoria da Universidade Nova de Lisboa.

Interrogado se está preocupado com o estado de saúde do antigo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa respondeu: "Eu acho que todos os portugueses acompanham, não direi com preocupação, mas com carinho - com o carinho que sempre tiveram - sempre o que se passa com os presidentes que marcaram a nossa democracia".

"E, portanto, sempre desejando que haja a recuperação e haja as melhoras de saúde, que é aquilo que corresponde ao que nós pensamos relativamente às pessoas que nos são caras e que nos são queridas", completou.

Marcelo Rebelo de Sousa referiu que, "como aconteceu noutras circunstâncias com antigos presidentes da República", tem sido informado da situação, mas não divulgou quaisquer detalhes. "Não quero dizer mais nada", disse.

Numa declaração aos jornalistas, pelas 13:10, o porta-voz do Hospital da Cruz Vermelha, José Barata, informou que Mário Soares entrou hoje de madrugada naquela unidade de saúde de Lisboa "com um quadro de agravamento do seu estado geral", e que ainda não estava ainda estabelecido "um diagnóstico definitivo".

Numa segunda declaração, cerca das 18:00, José Barata adiantou que Mário Soares "foi admitido, esta madrugada, na Unidade de Cuidados Intensivos do Hospital da Cruz Vermelha, em situação crítica", e "mantém o nível dos sinais vitais e o mesmo grau de consciência, sendo o prognóstico reservado".

O porta-voz do Hospital da Cruz Vermelha confirmou que o antigo Presidente da República está inconsciente e disse que nas últimas horas "tem estado debaixo de intensa vigilância médica, não se verificando alteração ou agravamento da sua situação clínica".

"Mais uma vez, a família do doutor Mário Soares agradece a preocupação de todos neste momento delicado", acrescentou.



A sua opinião11
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo 15.12.2016

Estou farto de que estes personagens falem no plural, desde logo em meu nome, quero dizer que não me revejo nestes portugueses de que Marcelo fala. ponto...é chegada a hora de dizer basta, acabo de reler CONTOS PROIBIDOS de Rui Mateus e não deixo de senti um enorme frio na espinha.

Mas o gajo ainda ai está ? 14.12.2016

Já está na hora de ir fazer tijolo.

Anónimo 14.12.2016

Com carinho? Eu não quero nem saber .... só mais um coveiro de Potugal.

Anónimo Há 7 horas

Quem não tem memória está morto, ou então é o que é...

ver mais comentários
pub