Política Marcelo diz que vai ponderar no Verão de 2020 se sente o dever de se recandidatar

Marcelo diz que vai ponderar no Verão de 2020 se sente o dever de se recandidatar

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, afirmou hoje que vai ponderar no Verão de 2020, em função da situação do país, se sente o "dever de consciência" de se candidatar a um segundo mandato.
Marcelo diz que vai ponderar no Verão de 2020 se sente o dever de se recandidatar
Miguel Baltazar
Lusa 09 de março de 2017 às 13:42

No dia em que completa um ano de funções, durante uma aula no Liceu Pedro Nunes, em Lisboa, onde foi aluno, o chefe de Estado voltou a remeter uma decisão sobre uma recandidatura para a fase final do seu mandato: "Eu no verão de 2020, portanto, daqui a três anos e meio, mais coisa menos coisa, eu vou pesar a situação que existir em Portugal".

 

Em seguida, explicitou o que vai pesar na sua decisão: "Se eu sentir que tenho o mesmo dever de consciência de ser candidato que tive quando fui candidato há um ano e meio, eu sou candidato outra vez. Se eu sentir que não tenho esse dever de consciência, porque o país está numa situação tal em que há outras hipóteses tão boas ou melhores do que eu, não há o dever estrito de ser candidato, eu não sou candidato".

 

Marcelo Rebelo de Sousa frisou que a situação do país será o factor com mais peso na sua análise, embora também tenha de ter em conta a sua situação pessoal.

 

"Naturalmente tenho de ver se estou de saúde ou não, ninguém sabe, três anos e meio são três anos e meio. Tenho de olhar, portanto, para a minha vida pessoal, para a minha vida familiar, é evidente. Mas, o que vai pesar vai ser obviamente a situação do país", disse.

 




A sua opinião6
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
suiriri 09.03.2017

Senhor Presidente Marcelo Rebelo de Sousa tirei uma foto com V.Exa. (não uma selfie) na últiuma venda de Natal do Corpo Diplomático, gostava de lhe pedir que volte a candidatar-se, Com a sua acção apesar da situação do País que já bem de um passado pouco feliz, conseguiu criar um ambiente muito saudável na população portuguesa. Trata-se de uma pessoa culta, grande pedagogo, humanista, afectuoso, conciliador e brilhante na comunicação. Trata-se de um fenómeno que já está a ter repercusão a nivel internacional. Bem haja senhor Presidente.....

Carlos Burro 09.03.2017

Eu posso ser burro, mas o velhinho não percebe nada de nada e é por isso que o país está assim. Estes votantes que se deixam enganar pela pele de cordeiro esquecem-se que este BE não é mais que a junção de vários partidinhos de extrema esquerda radical, como a UDP do Francisco Louçã.

Velhinho 09.03.2017

CARLOS BURRO, és mesmo burro pá. O BE não existia em 74/76. O BE é um partido recente. A crispação parte do PSD. Sabem que nestes proximos 20 anos não vão cheirar o poder e daí atacarem tudo e todos. Burro, para de zurrar, porque o teu zurrar não tem piada. MRS é o PRESIDENTE de todos os portugueses

Carlos Burro 09.03.2017

É muito grave o que se está a passar e o Marcelo assiste impávido como se tivesse acabado com a crispação.
Eu lembro-me dos tempos de 1974 a 1976, do ódio que estes BE, agora mascarados de cordeiro, chispavam nessa altura e agora, OBRIGADA Marcelo graças a ti reacendeu-se o pior que há nas pessoas.

ver mais comentários
pub