Economia Mark Rutte alerta: "Problemas da Holanda são demasiado sérios" para se adiar medidas de austeridade

Mark Rutte alerta: "Problemas da Holanda são demasiado sérios" para se adiar medidas de austeridade

O primeiro-ministro holandês demissionário alertou para a gravidade da situação da Holanda, sublinhando que é preciso tomar medidas de forma a conseguir lidar com os problemas que são actualmente "demasiado sérios".
Sara Antunes 24 de abril de 2012 às 13:58
“A necessidade de tomar medidas não diminuiu depois de Sábado, os problemas são demasiado sérios para isso”, afirmou no Parlamento o primeiro-ministro que apresentou ontem a sua demissão do cargo depois de não ter conseguido chegar a acordo sobre as medidas de austeridade que têm de ser implementadas para conseguir atingir a mera de défice.

“A economia está hesitante, o emprego está sob pressão e a dívida do país está a crescer mais depressa de que podemos suportar. Estes são os factos e ninguém pode fugir deles”, acrescentou o responsável perante o Parlamento.

A sua opinião8
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Gustavo Há 5 dias

O problema real da europa não é a Irlanda, a Grécia, ou Portugal. O problema real da Europa é que em 2008 os grandes bancos europeus subitamente ficaram depenados com o dinheiro que perderam nos maus insvestimentos em "subprime" americano. Foram biliões de euros pelo cano abaixo. Desde então as economias mais fracas começaram a dançar para distrair as atenções do problema real. A dança não pode durar para sempre e lentamente vamos ver a careca da Europa a destapar-se ... a Holanda não está sozinha ...

Anónimo Há 5 dias

...os holandeses devem menos de metado dos Portugueses...e mesmo assim ficam assustados...o Xocas não se assustou com a nossa divida porque é um irresponsavel...a holanda só quer evitar perder a classificação AAA...é diferente de quem já é Lixo (não reciclavel) como nós...hi,hi,hi

Van Há 5 dias

Eu vivo na Holanda. Nao liguem as palavras dele, ele so diz isso porque o beneficia a ele e faz do Wilders (extrema-direita) o patinho feio.

A Holanda em crise? Deixem-me rir, no dia em que a Holanda estiver em crise,ja Portugal desapareceu a muito... Basta olharem para o nivel de divida publica da holanda (64% em 2011).

vat69 Há 5 dias

Mas já vivi na holanda. E tenho quase a certeza que estes nao estao à espera que lhes forcem a mao para assinar de cruz um qq acordo que "os salve". Tenho quase a certeza que a situaçao dificil das contas publicas aos olhos dos holandeses seria visto por Socrates, Paços e companhias Lda como um cenario de solides do pais...

ver mais comentários
pub
Saber mais e Alertas
pub
pub
}
pub