Ambiente Mau tempo: Altice/PT lança "mega-operação" de prevenção e supervisão

Mau tempo: Altice/PT lança "mega-operação" de prevenção e supervisão

A operadora de comunicações Altice/PT iniciou "uma mega-operação de prevenção e supervisão, em parceria com as autoridades" face à previsão de condições meteorológicas adversas, que podem afetar o funcionamento das redes de telecomunicações.
Mau tempo: Altice/PT lança "mega-operação" de prevenção e supervisão
Miguel Baltazar/Negócios
Lusa 10 de dezembro de 2017 às 21:13
Em comunicado hoje divulgado, a Altice/PT afirma que "declarou internamente o estado de alerta/prevenção em todo o território [continental], com envolvimento directo da gestão de topo da organização que está a acompanhar a situação ao minuto com a entidades competentes e o gabinete do Ministério da Administração Interna".

"A Altice/PT está totalmente mobilizada e fortemente empenhada em apoiar as populações afectadas e no rápido restabelecimento dos impactos que possam resultar das condições meteorológicas adversas, através das suas equipas técnicas e operacionais espalhadas por todo o território e através do total alinhamento com as entidades competentes", lê-se no documento.

Segundo a mesma fonte, "foram amplamente reforçadas as equipas técnicas, com mais de uma centena de operacionais em prevenção, espalhados por todo o país, para actuarem no terreno na reposição de activos e infraestruturas, assim que as condições meteorológicas o permitam e na medida das necessidades das populações".

Segundo a operadora foram "mobilizados recursos/equipas de 'backup' para intervenções adicionais no terreno, caso seja necessário e de acordo com as prioridades e necessidades existentes, com cerca de uma dezena de unidades móveis temporárias e mais de duas dezenas de telefones satélite".

Foram também "reforçadas as equipas de supervisão do Centro de Gestão e Supervisão de Redes, nas Picoas [no centro de Lisboa], com mais de uma centena de profissionais, para gerir e coordenar as operações, monitorizar os serviços afectados e gerir as equipas no terreno".

A operadora vai também marcar presença nas reuniões operacionais da Autoridade Nacional para a Protecção Civil e "acompanhamento dos procedimentos de prevenção e reacção rápida, coordenados com as demais autoridades".

A Altice/PT tomou estas decisões "na sequência das condições meteorológicas adversas provocadas pela tempestade Ana, que se fazem sentir em Portugal continental desde" e encetou "uma mega operação de prevenção e supervisão, em parceria com as autoridades, entidades nacionais competentes na gestão de situações de crise, em particular a Autoridade Nacional para a Protecção Civil, autarquias e a EDP, uma vez que se prevê que os serviços de fornecimento de energia possam ser afectados e, por consequência, afectar o funcionamento das redes de telecomunicações".

No mesmo comunicado, a Altice/PT afirma que foram "repostos serviços afectados na zona do distrito de Coimbra, onde a tempestade incidiu já fortemente".



A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
comentar
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
Saber mais e Alertas
pub