Mundo Motim numa prisão brasileira provoca mais de 50 mortos

Motim numa prisão brasileira provoca mais de 50 mortos

O motim na prisão Complexo Penitenciário Anísio Jobim, perto de Manaus, teve início na tarde de domingo e terminou esta segunda-feira, depois de libertados os últimos reféns.
Negócios 02 de janeiro de 2017 às 15:03

Um motim numa prisão brasileira provocou mais de 50 mortos, anunciou o Governo do Amazonas e a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-AM), citados pelo Globo.

 

O motim teve início na tarde de domingo, 1 de Janeiro, e terminou esta segunda-feira, quando os presos libertaram os últimos reféns e renderam-se às autoridades.

 

Segundo o jornal brasileiro, o tumulto na prisão teve início depois de uma luta entre facções rivais, sendo que um número indeterminado de presos conseguiu escapar do Complexo Penitenciário Anísio Jobim, que está localizado perto de Manaus.

As autoridades brasileiras adiantam que o número de vítimas mortais deverá aumentar nas próximas horas. De acordo com o jornal local Em Tempo, várias das vítimas foram decapitadas e há relatos de uma grande pilha de corpos dentro da prisão. 

Este motim terá sido um dos mais graves dos últimos anos nas prisões brasileiras. Em 1992 morreram 111 presos na prisão de Carandiru, em São Paulo. 


A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Johnny 02.01.2017

Bicharada horrenda de países do 3º mundo, são piores que animais
Vou continuar a votar EXTREMA DIREITA para evitar que esses monstros venham destruir a nossa bela Europa.
Sim porque basta um envelope bem recheado aos nossos cônsules corruptos para esses animais terem visto para a Europa

Deuladeus 02.01.2017

País moderno

pub