Angola MPLA venceu eleições em Angola com 61,70% dos votos

MPLA venceu eleições em Angola com 61,70% dos votos

O MPLA venceu as eleições gerais angolanas com 61,70% dos votos, de acordo com a actualização dos dados provisórios da votação de quarta-feira divulgada hoje pela Comissão Nacional Eleitoral, elegendo João Lourenço como o próximo Presidente da República.
MPLA venceu eleições em Angola com 61,70% dos votos
Negócios com Lusa 25 de agosto de 2017 às 12:25

O MPLA venceu as eleições gerais angolanas com 61,70% dos votos, de acordo com a actualização dos dados provisórios da votação de quarta-feira divulgada hoje pela Comissão Nacional Eleitoral (CNE), elegendo João Lourenço como o próximo Presidente da República.

Já de acordo com a agência Reuters, a UNITA permanece como a segunda maior força política angolana com uma votação na casa dos 26%. 

A porta-voz da CNE, Júlia Ferreira revelou terem já sido contabilizados 97,82% dos votos.

Já esta sexta-feira, a UNITA rejeitou os resultados provisórios que atribuem uma robusta maioria ao MPLA, considerando que os votos expressos não foram recolhidos de forma transparente.

Na quinta-feira, antes ainda da primeira divulgação de resultados provisórios, o MPLA garantia ter alcançado uma vitória "inequívoca" que permitia ao partido do candidato João lourenço obter a almejada "maioria qualificada". Estas garantias dadas pelo MPLA levou a UNITA, através do líder Isaías Samakuva, a admitir a possibilidade de impugnar as eleições. 

"Não percebemos de onde vêm estes números", afirmou Alcides Sakala, porta-voz da UNITA que assegura, citado pela Reuters, "que os nossos representantes na comissão eleitoral não foram incluídos na produção desses resultados provisórios". A UNITA anunciou a intenção de divulgar, ainda hoje, os seus próprios resultados provisórios.

Tendo em conta a Constituição aprovada em 2010, a lei eleitoral angolana estipula que o presidente da República é proposto ao Parlamento com base nos resultados eleitorais, ou seja, é o cabeça-de-lista do partido mais votado o primeiro a ser colocado a apreciação parlamentar. Com a prevista maioria qualificada, o MPLA dependerá de si próprio para validar o nome de João Lourenço como sucessor de Eduardo dos Santos, no poder há 38 anos. O ainda presidente continuará, porém, a ser o líder do MPLA.

Esta sexta-feira serão actualizados os números provisórios divulgados durante a manhã, sendo que os resultados definitivos serão apenas conhecidos no próximo dia 6 de Setembro.

(notícia actualizada às 12:49)




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
ahahahahhaahahahhaahhaha Há 4 semanas

CORRUPTOS ahahahahahhahaahahahah País de de merda onde nasci e vou morrer sem lá voltar. NOJO

pub
pub
pub
pub