Economia Municípios afectados pelos incêndios com acesso a 14 milhões de fundos europeus

Municípios afectados pelos incêndios com acesso a 14 milhões de fundos europeus

Os concelhos de Pedrógão Grande, Castanheira de Pera, Figueiró dos Vinhos, Góis, Pampilhosa da Serra, Sertã e Penela são abrangidos por estes fundos.
Municípios afectados pelos incêndios com acesso a 14 milhões de fundos europeus
Movenoticias
Negócios 28 de julho de 2017 às 11:29
Os sete municípios do Pinhal Interior atingidos pelos incêndios em Junho têm disponíveis 14 milhões de euros para restabelecer infra-estruturas básicas. Os concursos para este efeito são lançados esta sexta-feira, 28 de Julho, pela através do programa Centro 2020, anunciou o ministério do Planeamento e das Infra-estruturas.

As obras vão ser financiadas a 85% a fundo perdido, sendo abrangidos os concelhos de Pedrógão Grande, Castanheira de Pera, Figueiró dos Vinhos, Góis, Pampilhosa da Serra, Sertã e Penela.

Os concursos destinados à recuperação de empresas foram lançados na semana passada no valor total de 20 milhões de euros. O Governo sublinha ques estas acções estão a ser acompanhadas no terreno por técnicos da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro, que prestam imformação e apoio às empresas e municípios.

Estas linhas de apoio destinam-se à "reabilitação de estradas municipais, arruamentos urbanos, segurança rodoviária (guardas de segurança, sinalética, placas toponímicas), edificações e construções municipais (pavilhões diversos e um heliporto), viaturas e outros veículos municipais de uso específico, equipamento urbano complementar (espelhos de trânsito, abrigos de passageiros, luminárias, papeleiras, contentores de lixo), sistema público de distribuição de água (recuperação de reservatórios de água, substituição de contadores, consolidação de rupturas), equipamento municipal de lazer e infra-estruturas de natureza pública de apoio ao turismo (parques infantis, de merendas e percursos pedestres, campo de futebol - relva e vedações)".



A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Vitor 28.07.2017

Agora é que o SIRESP não pode falhar. Vigilância absoluta. 14 milhões? Olha o Mercedes novinho em folha, olha a batatinha caseira, olha a empresa do primo.

pub
pub
pub
pub