Economia “Não vou pedir a demissão”, garante ministra da Administração Interna

“Não vou pedir a demissão”, garante ministra da Administração Interna

Constança Urbano de Sousa diz que é demasiado cedo para debater as conclusões do relatório da Comissão Técnica Independente sobre os incêndios na região Centro e que não vai apresentar a sua demissão.
A carregar o vídeo ...
Rita Faria 13 de outubro de 2017 às 11:30

Constança Urbano de Sousa, ministra da Administração Interna, garantiu esta sexta-feira, 13 de Outubro, no Parlamento, que não vai apresentar a sua demissão do cargo, depois de o relatório da Comissão Técnica Independente sobre o incêndio de Pedrógão ter apontado que as consequências mais graves podiam ter sido evitadas.

 

"Não, não vou pedir a demissão, senhor deputado", garantiu a ministra na Assembleia da República dirigindo-se ao deputado do CDS Nuno Magalhães num debate pedido pelo PSD para debater o relatório técnico independente sobre os incêndios de Junho que vitimaram mais de 60 pessoas.

 

A ministra da Administração Interna criticou o "timing" do debate – menos de 24 horas depois da divulgação do relatório – dizendo que não pode gerar uma análise séria.

 

"Debater um relatório com esta profundidade e complexidade a menos de 24 horas de ser conhecido não pode ser um debate sério. Tirar conclusões agora é manifestamente pouco sério", apontou.

 

"O PSD exigiu a minha presença poucas horas depois de ter tido conhecimento do relatório, o que não pode ser tido como uma chamada para um debate sério. Não vou tirar conclusões sobre um relatório que ninguém teve tempo de analisar com cuidado. É algo a que me recuso", acrescentou Constança Urbano de Sousa.

 

A ministra sublinhou que a única coisa "que podemos analisar com seriedade" é a nota enviada à comunicação social, e através da qual se conclui "que houve falhas".

 

"Em primeiro lugar falhou a prevenção estrutural, que já tem anos", apontou. "Também resulta deste relatório que o crescimento do fogo foi superior à capacidade de extinção. E que a maioria das mortes deveu-se a um fenómeno extremo que não podia ter sido previsto por nenhum serviço de protecção civil do mundo".

O relatório divulgado esta quinta-feira conclui que as consequências mais graves dos incêndios de Junho podiam ter sido evitadas e que deveriam ter sido dadas ordens para retirar as pessoas das aldeias em torno de Pedrógão Grande. 


(Notícia actualizada às 11:46)




A sua opinião11
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado SÍTIO MUITO MANHOSO 13.10.2017


... a excelente Ministra só podia esperar que os sócios ressabiados do bando de GATUNOS lhe tentasse fazer a vida negra...sem terem lido nada do relatório !

... estes ressabiados só existem para delapidar o País e os Portugueses ! ! !

. . . se fossem sérios portavam-se sériamente e não como um bando de facínoras ! ! !

comentários mais recentes
Criador de Touros 13.10.2017

Este governo é responsável pela tragédia de Pedrógão !! Não fujam às responsabilidades, seus esquerdistas sem vergonha na cara !!...Rua com António Costa !!... O presidente Marcelo que abra os olhos, já ouve governos em Portugal há não muito tempo que caíram por muito menos.

Celia 13.10.2017

Está colada na cadeira com UHU. Pudera, teria de voltar para a Universidade. Autónoma...

Neves 13.10.2017

Vim só ver a azia dos do costume. Carrega PS

Anónimo 13.10.2017

MUITÍSSIMO BEM SRª. MINISTRA. DEMISSÃO É O QUE OS INCOMPEENTES PRETENDEM FAÇA-LHES UMA PERGUNTA: E DEPOIS DA DEMISSÃO? OS PROBLEMAS FICAM RESOLVIDOS? O PROBLEMA JÁ TODA A GENTE VIU QUE É PESSOAL CRITAS TEM NECESSIDADE DE AFIRMAÇÃO E UMA MALA-PATA CONSIGO. A SONDAGEM DE HOJE MANDAM O CDS PARA O TAXI!

ver mais comentários
pub