Comércio Néctares entram na lista das bebidas açucaradas taxadas

Néctares entram na lista das bebidas açucaradas taxadas

Em 2018, vai arrancar uma nova reforma para taxar as bebidas concentradas, onde se incluem néctares.
Néctares entram na lista das bebidas açucaradas taxadas
Pedro Aperta/Negócios
Sara Ribeiro 13 de outubro de 2017 às 22:35

No ano passado, os néctares não integraram a lista de bebidas açucaradas que passaram a ser tributadas. Porém, segundo a proposta do Orçamento do Estado para 2018 que o Negócios teve acesso, as bebidas concentradas vão passar a ser tributadas de maneira diferente.

Enquanto na proposta orçamental de 2017 a taxa definida tinha sido igual para todo o tipo de bebidas – era calculada consoante as gramas de açúcar por hectolitro –, para 2018 o Executivo definiu que os concentrados passam a ser taxados quer na forma líquida mas também sólida, como em pó ou grânulos. Uma medida que, desta forma, passa a incluir os néctares.

Na forma líquida, os concentrados passam a ser tributados "em 50,01 euros e 100,14 euros por aplicando-se ao teor de açúcar o factor seis". "Apresentado sob a forma de pó, grânulos ou outras formas sólidas, 83,35 euros e 166,90 euros por 100 quilogramas de peso líquido, aplicando-se ao teor de açúcar o factor 10", lê-se na versão preliminar do OE 2018.

O imposto sobre os refrigerantes, que entrou em vigor a 1 de Fevereiro deste ano, vai aumentar até 1,5% no próximo ano. De acordo com o mesmo documento, o Executivo pretende taxar a 8,34 euros por hectolitro as bebidas com teor de açúcar inferior a 80 gramas por litro e a 16,69 euros por hectolitro as bebidas com teor de açúcar igual ou superior a 80 gramas por litro.




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub