Conjuntura OCDE vê Zona Euro a crescer acima dos EUA e Portugal a convergir até 2019

OCDE vê Zona Euro a crescer acima dos EUA e Portugal a convergir até 2019

As estimativas da OCDE apontam para o crescimento económico em 2018 ao ritmo mais forte em oito anos. Portugal vai crescer acima da média da Zona Euro durante três anos.
OCDE vê Zona Euro a crescer acima dos EUA e Portugal a convergir até 2019
Bloomberg
Nuno Carregueiro 28 de novembro de 2017 às 11:01

Os países que integram a OCDE vão registar um crescimento económico de 3,6% este ano, que vai acelerar para 3,7% em 2018 e regressar aos 3,6% em 2019.

 

As estimativas foram reveladas pela OCDE, que no Economic Outlook publicado esta manhã, antevê que no próximo ano a economia global vai registar o crescimento mais forte em oito anos, apesar do investimento continuar "pouco inspirador" e do "cada vez mais perigoso nível da dívida".

 

A estimativa da OCDE para este ano foi revista em alta numa décima, enquanto as previsões para os próximos dois anos ficou inalterada.

 

"As coisas estão realmente melhor agora, mas a menos que venhamos a assistir a uma actividade robusta no sector privado, que gere salários reais mais elevados, não vamos manter este ritmo de crescimento", alertou a economista-chefe da OCDE, Catherine Mann, à Reuters.

 

Nas previsões para este ano a Zona Euro surge em destaque, já que entre as economias avançadas é a que registará o crescimento mais expressivo. A OCDE vê o PIB da Zona Euro a crescer 2,4% este ano (mais três décimas do que previsto em Junho), 2,1% em 2018 (previa 1,9% em Junho) e 1,9% em 2019.


A Zona Euro irá assim crescer acima dos Estados Unidos este ano, o que acontecerá pelo segundo ano consecutivo. Para a maior economia do mundo a OCDE estima um crescimento do PIB de 2,2% este ano e 2,5% em 2018, ano em que os Estados Unidos já deverão crescer acima da Zona Euro devido ao impacto da prometida reforma fiscal de Donald Trump.

 

No que diz respeito às economias asiáticas, a OCDE reviu em baixa as projecções para o Japão (PIB cresce 1,5% este ano e 1,2% em 2018) e manteve as estimativas para a China (PIB cresce 6,8% este ano e 6,6% em 2018).

 

Quanto a Portugal, a OCDE está convencida da força da retoma da economia nacional, pois pelo segundo relatório consecutivo reviu significativamente em alta as previsões de crescimento do PIB nacional, colocando-o agora a avançar a um ritmo superior a 2% em 2017, 2018 e 2019.

 

A organização com sede em Paris vê o PIB de Portugal a crescer 2,6% este ano e 2,3% em 2018 e 2019.

 

A confirmarem-se estas estimativas, Portugal irá convergir com a Zona Euro durante três anos consecutivos, depois de em 2016 ter registado um crescimento mais baixo (1,5% vs 1,8%).

 




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
Saber mais e Alertas
pub