Economia Parlamento aprova voto de pesar por Pedro Romano

Parlamento aprova voto de pesar por Pedro Romano

O parlamento aprovou hoje um voto de pesar pela morte, aos 31 anos, do ex-jornalista Pedro Romano, lembrando que foi "um dos mais promissores na área da economia e finanças".
Parlamento aprova voto de pesar por Pedro Romano
Lusa 13 de outubro de 2017 às 13:49
O voto, apresentado pela bancada do CDS-PP, de quem foi assessor, foi aprovado por unanimidade.

Pedro Romano, que morreu a 05 de outubro, iniciou a carreira de jornalista em 2008 no Diário Económico, passando depois pelo Jornal de Negócios e, mais recentemente, no Jornal Económico, e era um dos dinamizadores do blogue Desvio Colossal.

Os deputados fizeram um minuto de silêncio.



A sua opinião5
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
General Ciresp Há 1 semana

Tantas vezes as nossas bancadas prestam homenagem a jogadores estrangeiros,porque nao se ha-de prestar homenagem a um jogador de economia portugues.Custo zero e une ao menos uma vez o redor da bancada do parlamentar.Melhor nao ter sido preciso.

SALAZAR Há 1 semana

PAZ À SUA ALMA, MAS A PROMISCUIDADE ENTRE O JORNALISMO E A POLÍTICA ESTÁ AQUI BEM PATENTE. E O PARLAMENTO NÃO DEVE TER NADA DE MAIS DE IMPORTANTE PARA FAZER. ATÉ PARECE QUE ESTE FULANO DESEMPENHOU AS MAIS ALTAS FUNÇÕES NESTE PAÍS PARA TER DIREITO A TAL ACTO. ESTÁ TUDO DOIDO EM PORTUGAL.

Ciifrão Há 1 semana

Também não sabia quem era o Pedro Romano, pelo que fiquei a saber parece-me descabida a homenagem do parlamento. Vão fazer estas homenagens sempre que morre um jornalista?

Anónimo Há 1 semana

É verdade, mas isso é algo que diz muito acerca desses 9 em cada 10 e do seu comentário descabido.

ver mais comentários
pub