Política Passos Coelho: "Temos de ser uma oposição séria e responsável, mas não podemos ser parvos"

Passos Coelho: "Temos de ser uma oposição séria e responsável, mas não podemos ser parvos"

O presidente do PSD, Pedro Passos Coelho, acusou o Governo de fazer regressar ao país a “má política” e avisou o PS de que não contará com os sociais-democratas para o que apelidou de “ópera-bufa”.
Passos Coelho: "Temos de ser uma oposição séria e responsável, mas não podemos ser parvos"
Lusa 12 de fevereiro de 2017 às 10:16

Passos Coelho comparou a actuação do Governo PS à ópera cómica e considerou a situação da Caixa Geral de Depósitos uma "consequência do regresso da política, só que da má política".

O presidente do PSD falava num jantar, em Bragança, este sábado, 11 de Fevereiro, com dirigentes regionais do partido, em que prometeu ser "uma oposição responsável e patriótica" e avisou que não é com os sociais-democratas que "o PS pode governar".

"Porque o PS não quis governar connosco, não quer governar connosco e todos os dias exalta e elogia os partidos de que depende no parlamento, apesar de saber que não pode contar com eles para daquilo que considera importante e relevante para futuro. Isto é uma hipocrisia completa, é uma ópera-bufa no país", declarou.

Passos Coelho declarou que o PS tem "uma maioria no parlamento com o Bloco de Esquerda e com o Partido Comunista Português para aprovar todas as medidas que são demagógicas, populares, simpáticas".

"Depois, acha que a oposição tem de ser responsável, patriótica, para aprovar tudo o mais que se destina ou a compensar as consequências negativas do populismo e da demagogia ou a criar algumas condições de realismo político para futuro", acrescentou.

É aqui que, segundo Passos Coelho, que "entra o tipo de oposição" que o PSD tem de ser: "Nós temos de ser uma oposição séria e responsável, mas não podemos ser parvos", afirmou.

Segundo o dirigente social-democrata, os socialistas não querem a maioria parlamentar para governar, mas para, entre outros, "acabar com a exigência na educação" ou "pintar a manta com a [central sindical] CGTP".

Passos Coelho lembrou a recente iniciativa parlamentar do PSD para retomar a reforma do Imposto sobre o Rendimento Colectivo (IRC), rejeitada por PS, PCP e Bloco de Esquerda.

Trata-se, no seu entender, se uma medida com capacidade para atrair mais investimento externo para Portugal.

"[Se] é o PSD que apresenta, chumba. Ninguém está sequer a discutir o mérito das propostas e dos projectos", apontou.




A sua opinião24
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Fernando Vilão 13.02.2017

Afinal que comentadores são estes que não são capazes de se identificarem, preenchendo os quesitos solicitados acima, para que saibamos quem são os destemidos, corajosos, sérios, inteligentes, capazes de assumir o que afirmam nos comentários abaixo, sob anonimato. Afinal são uns cobardolas!

Vou votar na geringonça 13.02.2017

Vai para casa e senta-te descansadinho no sofá que é o melhor que fazes. Já demonstraste o que vales . O ultraliberalismo não serve Portugal. A geringonça como os apelidaram só para desqualificar são aqueles em que os valores humanos são para respeitar. As tuas políticas valeram zero.

Culpar Centeno? Aldrabões 12.02.2017

Resumindo e concluindo o sujeito quando abre a boca só diz ...............

Anónimo 12.02.2017

DE FACTO QUANDO NÃP SE TEM NADA NA MONA NÃO VALE A PENA EXPLICAR PORQUE CERTOS BURROS NÃO ENTENDEM. ESTE AINDA NÃO ENTENDEU Q O SEU TEMPO - SEM ELE PRÓPRIO SABER QUE FOI UM SONHO - JÁ PASSOU E DEU PARA ENTENDER O QUE É O LIBERALISMO E POR TUA CAUSA AGORA SOU SOCIAL DEMOCRATA MUDEI PARA O PS! NÓDOA!

ver mais comentários
pub