Política Passos: Costa arrisca transformar-se em "agente poluidor" do debate político

Passos: Costa arrisca transformar-se em "agente poluidor" do debate político

O líder do PSD, Passos Coelho, desafiou este domingo António Costa a dizer quem é que em Portugal defende que o país tem licenciados a mais, acusando o primeiro-ministro de poder transformar-se num "agente poluidor" do debate político.
Passos: Costa arrisca transformar-se em "agente poluidor" do debate político
Miguel Baltazar/Negócios
Lusa 10 de setembro de 2017 às 19:08
Passos Coelho, que falava no concelho de Pombal, distrito de Leiria, recordava o discurso do primeiro-ministro este domingo, 10 de Setembro, em Matosinhos, em que, referindo-se ao aumento do número de alunos colocados no ensino superior, sublinhou que essa notícia significava que os portugueses "deixaram de dar ouvidos àqueles que diziam que tínhamos licenciados a mais e que não era importante continuar a estudar".

O líder social-democrata realçou que "nunca, em qualquer tempo", se recorda, "seja à direita, ao centro ou à esquerda, de ouvir ninguém dizer" que Portugal tem licenciados a mais, "que as pessoas não deveriam continuar a estudar, que o que era bom era ter uma economia com salários baixos e que o melhor mesmo era as pessoas ganharem pouco".

"Não tenho ideia", sublinhou Passos Coelho, desafiando António Costa a dizer a quem é que se estava a referir e se conhece "alguém que tenha feito declarações nesse sentido".

Para o presidente do PSD, o primeiro-ministro "não pode dizer impunemente estas coisas sem ser chamado à atenção".

"Se, reiteradamente, ele [António Costa] aparece com este tipo de afirmação, então eu julgo que ele se transforma ele próprio numa espécie - já não é de um agente provocador - é de um agente poluidor do nosso debate político", considerou.

Passos Coelho discursava na festa do PSD de Pombal, que decorre hoje no Parque de Merendas da Ilha.



A sua opinião4
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
eleitor 11.09.2017

Não faz mal ....sempre muda do agente saqueador do Povo Português que tu foste !

Costo= Poluição Tóxica 10.09.2017

Polui o pensamento ao dar a mão aos radicais torquemadas que tudo censuram;
Poluiu todo o país com a descoordenação, negligência, incompetência pela qual faleceram dezenas de portugueses;
Polui o estado com boys que destruem os serviços públicos que deveriam servir o povo;
Costa polui Portugal...

oluapaxe 10.09.2017

À bancarrota de 2011 nunca existiu. As roubalheiras do Sócrates nunca existiram. Os negócios escuros do siresp e dos kamov do Costa nunca existiram. O negócio do banif e a os milhões para a caixa nunca existiram. Hoje ficamos a saber a o roubo de tancos nunca existiu. A propaganda é tanta que não há memória.

memória 10.09.2017

Porque não emigras, ou vais estudar, ou deixas de comer tanto queijo? - Nem com o detergente Omo ou o Tide se tentava assim branquear o passado!