Economia Passos Coelho: "Ninguém quer ir além da troika na austeridade"

Passos Coelho: "Ninguém quer ir além da troika na austeridade"

Primeiro-ministro rejeitou que esteja a estabelecer compromissos mais severos do que aqueles acordados com a troika. Porém, para as mesmas metas foi preciso tomar mais medidas, porque as contas declaradas em Maio de 2011 não estavam correctas, acusa.
Bruno Simões 27 de Abril de 2012 às 12:28
“Este governo não instituiu metas mais austeras nem mais severas que o memorando de entendimento. A meta é a mesma, ninguém quer ir além da troika na austeridade. Queremos é ir além da troika na transformação estrutural da economia”, assegurou o primeiro-ministro. “As medidas de contenção financeira são exactamente as que são necessárias para atingir as metas que estão acordadas”, acrescentou.

Contudo, “a condição de partida não era aquela que estava retratada quando o memorando de entendimento foi elaborado. Se fosse, não tinham sido necessárias mais medidas, porque estaríamos a concluir que mais medidas nos trariam abaixo das metas”, justificou Passos Coelho, defendendo assim as medidas de austeridade que não foram assinadas com a troika mas que o Governo aplicou entretanto, como o corte de subsídios na Função Pública.

Além disso, e em resposta a António José Seguro, Passos Coelho garantiu que “nós não iremos apresentar Programa de Estabilidade e Crescimento (PEC) nenhum, e até estranho que tenha ressuscitado os PEC. O Governo português, estando sob assistência, está dispensado de apresentar o PEC. O Governo apresentará o Documento de Estratégia Orçamental”, onde incluirá o cenário macroeconómico.

Contudo, o grupo parlamentar socialista distribuiu aos jornalistas uma portaria do Governo, de 17 de Abril, que tem o calendário de implementação da Lei de Enquadramento Orçamental. E, de facto, a 30 de Abril está prevista a “Submissão do Programa de Estabilidade e Crescimento à União Europeia”. Este facto foi destacado por António José Seguro quando saiu das galerias e foi interpelado pelos jornalistas.




A sua opinião42
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Manuel Alves 30.04.2012

Passinhas, vais ficar na historia como a flor da trampa...se antes não te derem um pontapé no cú.
De incompetentes bem falantes papagaios está o mundo cheio.
Não passas de um parasita que viveu sempre à custa do PSD.

victordiniz 29.04.2012

GOETAVA DE TER UM BATE PAPO COM ESTE IMPOSTOR, E COM OS COMPARAS QUE O ACOMPANHAM PORQUE NÂO PASSAM DE UMA CAMBADA DE IMPOSTORES E DE LADRÔES, JÁ TIVERAM A CORAGEM DE POR ALGUEM NA PRISÂO,DA COMPRA DOS SUBMARINOS OS ALEMAES JÁ FIZERAM JUSTIÇA CÁ NO BURGO OS LADRÔES CONTINUAM A PASSEAR, ROUBAM A TORTO E A DIREITO, E O ZÉ PAGA MAS TEM QUE PASSAR FOME, É TUDO A MESMA ESCUMALHA, HÁ QUE POR O FORTE DE PENICHE A TRABALHAR PARA POR ESTA CAMBADA LÁ DENTRO SÓ COM PÂO PORQUE AGUA TEM COM FARTURA QUANDO A MARÉ SOBE.

joao vale 28.04.2012

isto não é verdade, pois o mmemo da troika previa um aumento do imi para 2012 de 15% isto é da ordem de 150 milhoes de euros mas o que esta no oe 2012 com a introduçao de novo aumentos de 25% a 40% nas taxas , para alem dos aumentos normais resultantes da avaliação geral em curso,vai provocar um aumento do imi muito para alem da troika, podendo chegar ultrapassar os 100%.

Anónimo 28.04.2012

Temos muitos Tugas em Portugal que vivem e viveram a custa do Estado desde o 25 de Abril. Eu soum um dos Tugas que estou farto mas mesmo farto de suportar o Estado para outros Tugas andarem a mamar. A vida agora será outra. Quem nao estiver bem...imigrem!

ver mais comentários
pub