Orçamento do Estado Pensões até 628 euros vão ter aumento de 10 euros em Agosto

Pensões até 628 euros vão ter aumento de 10 euros em Agosto

A proposta de Orçamento aprovada pelo Conselho de Ministros prevê aumento faseado das pensões durante 2017.
Pensões até 628 euros vão ter aumento de 10 euros em Agosto
Miguel Baltazar/Negócios
Marta Moitinho Oliveira 14 de Outubro de 2016 às 12:25

Só as pensões até 628 euros terão um aumento de 10 euros. Esta foi a solução que saiu do Conselho de Ministros que aprovou o Orçamento do Estado para 2017, apurou o Negócios.

Porém, este aumento será feito apenas em Agosto. Em Janeiro, haverá lugar à actualização automática, de acordo com a lei que liga os aumentos à inflação e ao crescimento económico, mas com ligeiras alterações. 

Terão direito a uma actualização igual à inflação os reformados com pensões até dois Indexantes de Apoios Sociais (IAS), ou seja 838 euro, em vez de 1,5 IAS, que está inscrito actualmente na lei. 

Se as previsões sobre a inflação dos economistas do BPI e do Montepio se confirmar, as pensões até 838 euros terão uma actualização de 0,7% (o Governo prevê 0,8%) enquanto as pensões até 2.515 euros deverão subir só 0,2% (0,3% se as previsões do Governo estiverem correctas). As restantes continuarão congeladas. 

 

A 1 de Agosto, haverá um novo aumento, mas este será aplicado apenas às pensões até 1,5 Indexante dos Apoios Sociais (IAS), o que corresponde a 628 euros (este valor será ligeiramente superior na sequência do descongelamento do IAS). O objectivo deste segundo aumento é perfazer os 10 euros. 

Esta medida será compensada pelo adiamento do fim da sobretaxa de IRS. 

Em relação aos anos seguintes, a proposta refere que a actualização das pensões será feita "nos termos da lei", sem lugar a aumentos extraordinários.

O Governo aprovou quinta-feira, 13 de Outubro, o Orçamento do Estado para 2017. O documento será entregue esta sexta-feira no Parlamento. Para as 17 horas está prevista uma conferência de imprensa no Ministério das Finanças para Mário Centeno apresentar o Orçamento do Estado. 

O aumento das pensões foi objecto de uma negociação muito intensa entre PS, Bloco, PCP e Os Verdes. É possível que em sede de debate na especialidade possa haver propostas de alteração à proposta de Orçamento do Estado que hoje será entregue. 

(Notícia corrigida às 13:39 - A actualização será realizada em Agosto e não em Julho, como inicialmente referido)




A sua opinião37
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo Há 2 semanas


Comemorações Oficiais

FP . CGA – 40 ANOS A ROUBAR OS TRABALHADORES E PENSIONISTAS DO PRIVADO

Porque é que 4 500 000 de trabalhadores privados têm de continuar a pagar a reposição dos salários, das pensões e das mordomias dos 500 000 funcionários públicos?

É uma medida populista que vai enterrar o país em mais 10 000 milhões € nos próximos anos!

Chega de mordomias para os funcionários públicos, são as 35 horas de trabalho, os dias de férias que começam nos 25 dias, as reformas muito acima dos restantes mortais e com muito menos anos de descontos, o bloco de "desculpas" para faltar ao trabalho, as inúmeras greves dos inúteis sindicatos, a impossibilidade de serem despedidos.


comentários mais recentes
Anónimo Há 2 semanas


PS . BE . PCP - são uns PHILHOS DE PHU TA que xupam o sangue ao POVO...

para dar mais dinheiro e privilégios aos FP & CGA.

Cristina Azevedo Há 2 semanas

Eis a "igualdade social" tão anunciada pelo Governo!!!!!!!!!!! Upa, upa...os pensionistas vão ficar "ricos".

Anónimo Há 2 semanas

Estas aumentam 10 euros, a da Maria Gama da APRE aumenta 400! É a esquerda, estúpido.

Anónimo Há 2 semanas

EM JANEIRO LÁ VOU RECEBER MAIS 10 CENTIMOS!

JURO QUE OS VOU DEITAR AO TEJO!

ver mais comentários
pub
pub
pub
pub