Economia Perdão fiscal e cativações decisivos para cumprir meta de défice
Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE

Perdão fiscal e cativações decisivos para cumprir meta de défice

Com duas decisões tomadas já com o ano em andamento – PERES e cativações adicionais – o Governo ganhou margem para cumprir confortavelmente o défice de 2016.
Perdão fiscal e cativações decisivos para cumprir meta de défice
Bruno Simão/Negócios
Nuno Aguiar 12 de abril de 2017 às 00:01

Podemos chamar-lhe "plano B" ou dar-lhe outro nome, mas o Governo ajustou a sua estratégia de consolidação orçamental em relação aquilo que tinha planeado inicialmente para 2016. Duas medidas tomadas já

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais



A sua opinião5
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo Há 1 semana


IGUALDADE PARA TODOS

Os cortes nas PENSÕES ATUAIS devem, obrigatoriamente, ser IGUAIS aos cortes nas PENSÕES FUTURAS!

comentários mais recentes
Anónimo Há 1 semana


IGUALDADE PARA TODOS

Os cortes nas PENSÕES ATUAIS devem, obrigatoriamente, ser IGUAIS aos cortes nas PENSÕES FUTURAS!

Anónimo Há 1 semana


Perguntem ao Vara, ao Sócrates, ao Costa e ao PS.

Eles sabem onde estão os 5.000 milhões de €… que roubaram na Caixa Geral de Depósitos!

Anónimo Há 1 semana

entao a cofina avança com despedimentos colectivos de 50 jornalistas com mts anos de casa e nem uma noticia??? que vergonha.apresentam lucros de 4ML e mesmo assim avançam para despedimentos que FDP, nunca mais compro nenhum jornal/revista da cofina. Uma vergonha...

Quer Dizer...OS CALOTEIROS PAGARAM! Há 1 semana

O Centeno levou muitos dos CALOTEIROS a PAGAREM e os GASTADORES a contentarem-se COM MENOS.
Ja o defensor da Tia,o chefe Cuelho mais a swpeira Mary Loo, essa troupe do PPd foram-nos ao bolso a "francesa" e "depenaram-nos" q nem o Junot do Napoleao.
No fim, tal como os francius, acabaram corridos!

ver mais comentários
Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub
pub
pub
pub