Justiça PJ detém oito pessoas por alegada fraude à Segurança Social e Fisco

PJ detém oito pessoas por alegada fraude à Segurança Social e Fisco

O esquema que está a ser investigado terá lesado o Estado em mais de 15 milhões de euros, revela o Correio da Manhã.
PJ detém oito pessoas por alegada fraude à Segurança Social e Fisco
Bruno Simão/Negócios
Negócios 28 de Novembro de 2016 às 12:30

A Polícia Judiciária de Braga fez oito detenções esta segunda-feira, 28 de Novembro, no âmbito de uma investigação de alegada fraude, burla e corrupção. Em causa estarão processos relacionados com a Segurança Social, IVA e IRS.

 

As investigações relacionadas com este caso duravam já há um ano e meio, com o esquema a alegadamente lesar o Estado em cerca de 15 milhões de euros, revela o CM.


Esta segunda-feira, foram realizadas cerca de 100 buscas e oito detenções, entre as quais dois advogados e três técnicos oficiais de contas.

 

Os oito detidos estão em mãos com acusações de crimes de associação criminosa, fraude fiscal qualificada, burla tributária à Segurança Social, burla qualificada, insolvência dolosa, corrupção e branqueamento de capitais.

 

O Correio da Manhã adianta que uma das buscas foi realizada no escritório do advogado Costa Salgado, antigo director da delegação de Braga do Instituto de Gestão Financeira da Segurança Social, que em Julho de 2011, foi condenado a quatro anos de prisão pelo Tribunal de Braga, que deu como provado que o arguido se apoderou de 187 mil euros destinados ao pagamento de uma dívida ao Estado.




A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo Há 1 semana

O Pais tem de encerrar para que seja criado um manual de ética, no qual sem rodeios seja vertida uma norma que afirme que todos os falsificadores, corruptos e vigaristas serão despojados de todos os bens e condenados a prisão perpetua com trabalho no campo para que produzam o que terão para comer.

Anónimo Há 1 semana

CLASSE DE ADVOGADOS, A CLASSE MAIS CORRUPTA E CRIMINOSA DO PAÍS, TODOS OS DIAS HÁ NOTICIAS COM ADVOGADOS CRIMINOSOS E LADRÕES DE HERANÇAS:

http://www.jn.pt/justica/interior/ex-diretor-da-seguranca-social-suspeito-em-fraude-de-15-milhoes-5523080.html

pub