Finanças Públicas Portugal é dos que menos gastam no combate aos incêndios
Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE

Portugal é dos que menos gastam no combate aos incêndios

Portugal lidera os rankings europeus de área ardida e é, ao mesmo tempo, um dos países que menos gasta no combate aos incêndios. Em 2015, apenas 0,2% da despesa do país era dedicada a essa área, metade da média da Zona Euro.
Portugal é dos que menos gastam no combate aos incêndios
Ricardo Almeida
Nuno Aguiar 22 de outubro de 2017 às 22:15

Qualquer que seja a métrica utilizada, os dados oficiais mostram que Portugal está entre os países europeus que menos gasta no combate aos incêndios. Uma tendência que se observa desde meados dos anos 90 e que se continuou )

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais



A sua opinião4
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo Há 4 semanas

E gastar, no contexto do mundo mais desenvolvido, entenda-se, é hoje em dia e cada vez mais, investir em equipamentos, em tecnologia, e não necessariamente engrossar imprudentemente a folha salarial corrente e a de pensões pendentes. Veja-se um exemplo inglês: “We are taking advantage of cutting-edge technology to adapt our vehicles and techniques, ensuring our firefighters are fully equipped to deliver the best possible service to our communities. “Our county and the risks in it are changing. If these proposals are agreed by the authority, we will embark on three years of implementation as we create a smarter, more efficient service for residents.” Soft lead: MORE than 200 firefighters could lose their jobs despite revised budget cut proposals (23 February 2016) Website: http://www.bordonherald.com/article.cfm?id=107252&headline=Firefighters%20cut%20from%2012%20to%208%20despite%20fall%20in%20the%20size%20of%20cuts§ionIs=news&searchyear=2016

comentários mais recentes
Ciifrão Há 4 semanas

Duvido destes números, o clima do norte da Europa não dá grandes preocupações com os fogos florestais.

Criador de Touros Há 4 semanas

Este governo do António Costa deixa morrer e deixa arder. Com muita frieza. Sem emoções.

Anónimo Há 4 semanas

O governo genocida não pode defender, promover e proteger o excedentarismo e a mais indecorosa e contraproducente rigidez no mercado laboral, onerosa, injustificável e absolutamente desnecessária, como a que flagela a banca e a administração pública portuguesas, e ao mesmo tempo mentir aos portugueses dizendo que acautelou e acautela os seus mais básicos e fundamentais interesses enquanto cidadãos deste território. É um contra-senso inqualificável e por demais evidente. Mas quem quiser continuar a comer desta palha dada a bestas de carga que a coma. Os tratadores das bestas agradecem.

Anónimo Há 4 semanas

E gastar, no contexto do mundo mais desenvolvido, entenda-se, é hoje em dia e cada vez mais, investir em equipamentos, em tecnologia, e não necessariamente engrossar imprudentemente a folha salarial corrente e a de pensões pendentes. Veja-se um exemplo inglês: “We are taking advantage of cutting-edge technology to adapt our vehicles and techniques, ensuring our firefighters are fully equipped to deliver the best possible service to our communities. “Our county and the risks in it are changing. If these proposals are agreed by the authority, we will embark on three years of implementation as we create a smarter, more efficient service for residents.” Soft lead: MORE than 200 firefighters could lose their jobs despite revised budget cut proposals (23 February 2016) Website: http://www.bordonherald.com/article.cfm?id=107252&headline=Firefighters%20cut%20from%2012%20to%208%20despite%20fall%20in%20the%20size%20of%20cuts§ionIs=news&searchyear=2016

Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub