Economia Protecção Civil vai ser alvo de auditoria

Protecção Civil vai ser alvo de auditoria

A Inspecção Geral da Administração Interna vai realizar uma auditoria à Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC), na sequência dos incêndios iniciados entre os dias 14 e 16 de Outubro, para apuramento de eventuais responsabilidades.
Protecção Civil vai ser alvo de auditoria
Miguel Baltazar/Negócios
Negócios 31 de outubro de 2017 às 18:07

O Ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, determinou à Inspecção Geral da Administração Interna (IGAI) a realização de uma auditoria à Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC), na sequência dos incêndios iniciados entre os dias 14 e 16 de Outubro de 2017, para apuramento de eventuais responsabilidades, refere um comunicado enviado à imprensa esta terça-feira, 31 de Outubro.

 

Também hoje, recorde-se, Eduardo Cabrita, determinou o "prolongamento do dispositivo de combate a incêndios até ao dia 15 de Novembro, incluindo meios aéreos, meios humanos e postos de vigia", sublinha um outro comunicado enviado à imprensa esta terça-feira, 31 de Outubro.

As centenas de incêndios que deflagraram no dia 15, o pior dia de fogos do ano, segundo as autoridades, provocaram 45 mortos e cerca de 70 feridos, perto de uma dezena dos quais graves.

Os fogos obrigaram a evacuar localidades, a realojar as populações e a cortar o trânsito em dezenas de estradas, sobretudo nas regiões Norte e Centro, recorda a Lusa.




A sua opinião4
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Bombeiro voluntário á força Há 2 semanas

Confesso que fui para bombeiro voluntário porque não consegui emprego noutra atividade, apesar de ser obeso e ter chumbado na inspecção para as forças armadas, por ser diabético, lá consegui entrar e os benefícios não são tão bons como disseram, a progressão na carreira não está assegurada !

Bombeiros Mercenários Há 2 semanas

O problema são os Bombeiros mercenários (ditos de voluntários) que só querem é receber ! Não teem qualquer interesse em apagar o fogo querem é mante-lo em lume brando o mais tempo possível e quanto a rescaldos, nem pensar ou porque acham que há reacendimentos como há ?

pertinaz Há 2 semanas

QUEREM VER QUE FOI A PROTECÇÃO CIVIL QUE ATEOU OS FOGOS...???

Joao Há 2 semanas

Será que vão divulgar a verdadeira dimensão do problema: a recusa dos bombeiros voluntários em vestir a farda no domingo 15 uma vez que só 5500 é que iriam receber a gratificação dos 45€. O restantes receniam zero e boicotaram os diversos pedidos.

pub