Eleições PS conquista quinta maioria absoluta nos Açores

PS conquista quinta maioria absoluta nos Açores

O PS conquistou nova maioria absoluta nos Açores. Conseguiu 30 deputados dos 57 que estão na Assembleia Regional.
PS conquista quinta maioria absoluta nos Açores
José António Rodrigues/Correio da Manhã
Lusa 16 de Outubro de 2016 às 22:18
O PS conquistou hoje nova maioria absoluta nas eleições regionais dos Açores, ao conseguir eleger 30 deputados do total de 57 parlamentares da Assembleia Legislativa Regional.

O PSD conquistou 19 deputados, o CDS-PP quatro, o BE dois e o PCP-PEV um deputado e o PPM um deputado.

Em relação às anteriores eleições, em 2012, os socialistas perdem um deputado tal como o PSD, enquanto o CDS-PP e o Bloco de Esquerda ganham um cada. O PCP-PEV e o PPM mantêm um deputado cada.

O PS conseguiu 46,43% (43.266 votos) contra 48,98% (52.793 votos) em 2012, enquanto o PSD obteve 30,89% (28.790 votos) contra 32,98% (35.550 votos) há quatro anos.

O Partido Socialista (PS) ganhou em sete das nove ilhas nas eleições regionais dos Açores, com o PSD a vencer no Faial e a CDU (PCP/PEV) nas Flores. Na ilha de São Miguel, o PS elegeu 12 dos 20 deputados, tendo o PPD/PSD elegido sete e o BE um. Na Terceira, o PS conseguiu seis dos dez mandatos, o PPD/PSD três e o CDS-PP um.

Na ilha do Pico os quatro mandatos foram repartidos entre o PS e o PSD, com os socialistas a conseguirem uma ligeira vantagem, com 2.647 votos, enquanto os sociais-democratas obtiveram 2.532.

O mesmo aconteceu no Faial, em relação à divisão de deputados, mas com o PSD a conseguir mais votos. Aqui os sociais-democratas tiveram 2.695 votos, fazendo do Faial a única ilha onde venceram, e os socialistas 2.133.

Na ilha de São Jorge, os três mandatos foram divididos pelo PS, o PPD/PSD e o CDS-PP. Já nas Flores a divisão dos três mandatos foi feita entre PS, PPD/PSD e CDU (PCP/PEV). Esta foi a única ilha onde a CDU obteve a maioria dos votos.

Em Santa Maria o PS elegeu dois deputados e o PSD um. O mesmo aconteceu na Graciosa.

No Corvo, o PS e o PPM dividiram os dois mandatos eleitos por aquela ilha.

Pelo círculo da compensação, PS, PPD/PSD e BE elegeram um deputado cada e CDS-PP dois.

A abstenção atingiu 59,16%, um recorde em eleições regionais nos Açores. Em 2012, não foram às urnas 52,12% dos eleitores.

Estão inscritos nos Açores 228.160 eleitores. 

Quem ganhou em votos nas várias ilhas dos Açores
Quem ganhou em votos nas várias ilhas dos Açores





A sua opinião14
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Mr.Tuga 17.10.2016

VERGONHICE!

Esta ilhota de treta que não é sustentável, senão com guita dos contribuintes do continente e cujos menos de 250.000 habitantes vivem quase exclusivamente de SUBSIDIOS, tem imagine-se um parlamento com 57 dePUTAdos !?!?!

E o tuga a pagar estas nulidades despesistas!

Este sitio miserável e atrasado não tem futuro!

comentários mais recentes
dse 17.10.2016

Mais pareces um...PADRE! E os TACHOS continuam assegurados!

jmsm2 17.10.2016

Com quase 60% de abstenção, todos perderam, pois demonstraram não merecer a confiança dos eleitores.

Anónimo 17.10.2016



PS . BE . PCP - são uns PHILHOS DE PHU TA que xupam o sangue ao POVO...

para dar mais dinheiro e privilégios aos FP & CGA.

Anónimo 17.10.2016



PS . BE . PCP - são uns PHILHOS DE PHU TA que xupam o sangue ao POVO...

para dar mais dinheiro e privilégios aos FP & CGA.

ver mais comentários
pub
Saber mais e Alertas
pub
pub
pub