Economia PSD rejeita grandes obras públicas e acusa Costa de “regresso ao socratismo”

PSD rejeita grandes obras públicas e acusa Costa de “regresso ao socratismo”

O líder parlamentar do PSD, Hugo Soares, disse este sábado que o regresso da prioridade para investimentos em obras públicas, abordada por António Costa em entrevista ao Expresso, preocupa o partido e é um “regresso ao socratismo".
PSD rejeita grandes obras públicas e acusa Costa de “regresso ao socratismo”
Hugo Soares, líder parlamentar do PSD, afirma que "o país estava afinado contra a prioridade das obras públicas, acusando António Costa de querer voltar ao "socratismo".
Pedro Catarino (CM)
Negócios com Lusa 19 de agosto de 2017 às 13:15

"A periodização das obras públicas como factor de competitividade do país é algo que deixa o PSD manifestamente preocupado. O país estava afinado contra a prioridade das obras públicas. Este é o regresso ao 'socratismo' e esta é a grande novidade e única da entrevista" de António Costa ao semanário Expresso, disse Hugo Soares, líder parlamentar do PSD, à agência Lusa.

 

"Anunciar obras públicas como prioridade para o país é voltar aos tempos do engenheiro Sócrates e nós isso não queremos e creio que o país também não quer", frisou Hugo Soares.

 

O primeiro-ministro espera que, após as eleições autárquicas, se abra "uma segunda parte da legislatura", para a qual é "fundamental" um acordo com o PSD para investimentos em obras públicas, disse António Costa ao Expresso.

 

A grande prioridade de Costa para a 'rentrée' é a definição da "estratégia nacional para o Portugal pós-2020", incluindo um novo acordo com a União Europeia para fundos comunitários. O grande objectivo é que o "programa dos grandes investimentos em obras públicas seja aprovado por dois terços na Assembleia da República", afirmou o primeiro-ministro.

 




A sua opinião20
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
pertinaz Há 4 semanas

CARREGA PASSOS...!!!

Tentando Perceber Há 15 horas

Tem preferência por compra de Submarinos, e oferta de Bancos, Assim como Empresas estruturantes da Economia, e do Serviços do Estado.

Vai trabalhar jotinha Há 2 dias

Parasita de merda

pertinaz Há 2 dias

O ESTUPOR DO PINÓQUIO FEZ ESCOLA... !!!

ver mais comentários
pub
pub
pub
pub