Política PSD: Marcelo trouxe "recado muito importante" contra "política do populismo"

PSD: Marcelo trouxe "recado muito importante" contra "política do populismo"

O secretário-geral do PSD, José Matos Rosa, disse esta quarta-feira que o Presidente da República trouxe um "recado muito importante" na sua intervenção nas cerimónias do 5 de Outubro contra a "política do populismo".
PSD: Marcelo trouxe "recado muito importante" contra "política do populismo"
Miguel Baltazar/Negócios
Lusa 05 de Outubro de 2016 às 12:52

"Ouvimos com muita atenção [o Presidente], na oposição temos responsabilidades, mas é um recado muito importante para o Governo", vincou Matos Rosa (na foto à esquerda), em declarações aos jornalistas no final das cerimónias na Praça do Município, em Lisboa.

 

O social-democrata lamentou "alguma política" que tem sido feita, "política do populismo, da espuma dos dias, longe dos portugueses", e declarou que os dez meses do Governo do PS são "dez meses de tempo perdido para Portugal e para os portugueses".

 

Sobre o futuro Orçamento do Estado, o PSD diz temer a "procura insaciável de impostos" do executivo.

 

"Não são bons princípios que vemos para o Orçamento. Há uma instabilidade grande com uma procura insaciável de impostos que não traz nada de bom. Há um desnorte muito grande neste Governo", vincou José Matos Rosa.

 

E concretizou: "Esta análise do Presidente da República foi importante. O que vemos hoje é um Governo que não governa e tem uma procura insaciável sobre impostos".

 

Marcelo Rebelo de Sousa defendeu hoje que o exemplo dos que exercem o poder é fundamental para que o povo continue a acreditar na República, sublinhando que "o 5 de Outubro está vivo".

 

"O exemplo dos que exercem o poder é fundamental sempre para que o povo continue a acreditar no 5 de Outubro", afirmou o chefe de Estado, Marcelo Rebelo de Sousa, numa intervenção nas comemorações da Implantação da República, que decorreram na Praça do Município, em Lisboa.

 

Sublinhando que "o 5 de Outubro está vivo", mas só se todos lhe derem vida para que os portugueses se possam rever na República democrática, Marcelo Rebelo de Sousa destacou a necessidade de quem exerce o poder de dar o exemplo de "constante humildade, de proximidade, de frugalidade, de independência, de serviço pelos outros, de todos os outros, mas com natural atenção aos mais pobres, carenciados, excluídos".




A sua opinião15
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo Há 4 semanas


PS DEIXA MORRER UTENTES DO SNS... PARA DAR MAIS DINHEIRO À FP:

- PS aumenta despesa com salários da FP em 500 milhões de Euros;

- PS reduz horário da FP para 35 horas;

- PS corta orçamento dos Hospitais Públicos.

comentários mais recentes
Anónimo Há 4 semanas


SALÁRIO MÉDIO DOS PROFESSORES PORTUGUESES É O 3.º MAIS ALTO DA EUROPA, EM 2015.

"No caso dos docentes com salários mais altos, em que o rendimento dos docentes é superior ao PIB per capita, Portugal aparece em destaque como o terceiro com salários mais elevados da Europa: Bosnia Herzegovina (327%), Chipre (282%) e Portugal (245%)."

Relatório da Eurydice.

Anónimo Há 4 semanas


PS DEIXA MORRER UTENTES DO SNS... PARA DAR MAIS DINHEIRO À FP:

- PS aumenta despesa com salários da FP em 500 milhões de Euros;

- PS reduz horário da FP para 35 horas;

- PS corta orçamento dos Hospitais Públicos.

Fernando Manuel Há 4 semanas

Três estarolas

Isabel Rodrigues Há 4 semanas

HIPÓCRITAS MENTIROSOS ......

ver mais comentários
pub
pub
pub
pub