Economia Rajoy quer que países europeus cedam controlo orçamental a nova autoridade

Rajoy quer que países europeus cedam controlo orçamental a nova autoridade

"Precisamos de ceder mais soberania, especialmente na área orçamental", afirmou hoje o primeiro-ministro espanhol.
Lusa 02 de junho de 2012 às 18:42
O primeiro-ministro espanhol, Mariano Rajoy, defendeu hoje que os países que integram a zona euro devem ceder o controlo dos seus orçamentos nacionais a uma autoridade europeia, de forma a fortalecer a moeda única.

"Precisamos de ceder mais soberania, especialmente na área orçamental", afirmou hoje Rajoy numa conferência em Sitges (perto de Barcelona).

O responsável, citado pela agência de informação financeira Bloomberg, acrescentou que a nova entidade "além de ser a estora da dívida europeia, daria um impulso fundamental para a confiança no euro".

A Espanha procura um aprofundamento da integração europeia, enquanto se tenta proteger dos investidores que atiraram o prémio de risco da dívida espanhola para um novo máximo na sexta-feira.

Rajoy também apelou ao presidente da Comissão Europeia, Durão Barroso, para que os países da zona euro formem uma união bancária com um único regulador e com um fundo de garantia de depósitos comum.

"A Espanha vai vencer a tempestade com os seus esforços e com o apoio dos parceiros europeus", afirmou o governante espanhol, que diz que o país não está à beira do precipício.




A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
isabel 04.06.2012

Rajoy tem toda a razão,se querenmos um euro forte e unido temos de ceder uma oarte da soberania para uma ENTIDADE EUROPEIA .Só assim esta CRISE terá um fim! Tudo o que for feito para reforçar a COESÂO EUROPEIA será bem-vindo!

Salvador Costa 03.06.2012

1- É a única solução para Portugal, Espanha e Itália.2- Exemplos de incapacidade de rigor, seriedade e responsabilidade na gestão dos dinheiros públicos. No caso de Portugal desde o 25 de Abril.3- É este o futuro da Zona Euro. Mas um processo partilhado, não imposto pela chantagem da Alemanha, como tem acontecido até agora, pela mão do BCE.

pub