Economia Rolf Strauch: Aumento de rendimentos só é sustentável com mais produtividade"
Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE

Rolf Strauch: Aumento de rendimentos só é sustentável com mais produtividade"

O país deve aproveitar o bom momento da economia para criar espaço orçamental e ganhar confiança dos mercados. Numa economia endividada, nunca se sabe quando o futuro se pode revelar mais difícil, defende.
Rolf Strauch: Aumento de rendimentos só é sustentável com mais produtividade"
Bruno Simão
Rui Peres Jorge 28 de junho de 2017 às 00:01

Rolf Strauch é membro do Conselho de Administração e Economista-chefe do Mecanismo Europeu de Estabilidade, o sucessor do Fundo Europeu de Estabilidade Financeira, que financiou 26 mil milhões de euros do resgate portuguê

)

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais



A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo 28.06.2017

Para entender a crise de equidade e sustentabilidade que tem afectado as economias desenvolvidas e posto territórios como os de Portugal e Grécia nas más bocas do mundo, é fundamental perceber que para uns serem excedentários ou pagos acima do preço de mercado, outros têm que pagar mais caro quando consomem bens e serviços, pagar mais taxa de imposto quando são tributados, obter menor retorno sobre o investimento quando investem, poupar menos quando aforram...

Juca 28.06.2017

Já ouço isto há décadas. Digamos que é um discurso bastante reaccionário.

Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub
pub
pub
pub