Media RTP recorre a perdão fiscal no valor de 280 mil euros

RTP recorre a perdão fiscal no valor de 280 mil euros

A estão pública recorreu ao Programa Especial de Redução do Endividamento ao Estado (PERES). A dívida em causa, 280 mil euros, resulta de uma inspecção fiscal de 2012.
RTP recorre a perdão fiscal no valor de 280 mil euros
Sara Ribeiro 18 de agosto de 2017 às 08:51

A RTP recorreu ao Programa Especial de Redução do Endividamento ao Estado (PERES). Em causa está uma dívida de 280 mil euros, de acordo com o relatório e contas de 2016 da empresa citado pelo Correio da Manhã.

O montante resulta de uma "inspecção fiscal ao exercício económico de 2012", que levou a Autoridade Tributária (AT) a realizar "uma correcção de imposto no valor de 280.112 euros relativos a correcções de IRC, acrescidos de 17.405 euros de juros compensatórios.

A RTP não concordou com a decisão, tendo já tendo anular o entendimento da AT por duas vezes. Agora, vai "avançar com uma impugnação judicial".

No entanto, a estação pública optou por pagar a dívida "ao abrigo do programa de regulação de dívidas do Estado".

Em Dezembro do ano passado, a Agência Lusa também recorreu PERES, tendo conseguido um "perdão parcial de juros" de cerca de um milhão de euros.

A adesão ao PERES implicou um aumento de 2,6 milhões de euros em dívida a pagar ao Estado em 36 prestações.

 




A sua opinião5
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Mr.Tuga 18.08.2017

Esta coisa não é uma "empresas"!

É um meio de PROPAGANDA de politiqueiros de DESgovernates que é um autentico SORVEDOURO de guita dos CONTRIBUINTES e que ainda nos CHUL*A com a miserável e injustificável CHULISS*E da contribuição audiovisual...

General Ciresp 18.08.2017

Ha quem pague um euro ao mandar limpar 10 centimos desfigurados(pataco).Chegam ao cumulo em dar o telejornal nos 3 canais generalistas em simultaneo.Ainda nao consegui perceber porque nao arrumaram com a rtp1 com a chegada do 360.A maneira como o ze mocambicano tenta dar enfase as noticias,afasta-me

Se não fosse triste até tinha piada 18.08.2017

"Empresa " ( não é uma empresa, é mais uma ENTIDADE PUBLICA ) 100% estado COM PREJUÍZO COBERTO A 100% PELO ESTADO que discute em tribunal (sustentado 100% Estado) se deve ou não pagar ao estado ! ANDAM A BRINCAR COM OS NOSSOS IMPOSTOS !

Jonas 18.08.2017

Quem perde somos nós,...
Emtopem os Tribunais para nada,...
Se precisarem de dinheiro o estado dá...
Por mim podem privatizar a RTP.
E assim, tem lógica lutar pelo perdäo fiscal....

ver mais comentários
pub