Economia Rui Machete vendeu acções da SLN ao BPN com ganhos de 150%

Rui Machete vendeu acções da SLN ao BPN com ganhos de 150%

Ex-ministro nega ter feito negócio com a FLAD, mas conta ao "Público" que revendeu ao BPN as acções que adquiriu da SLN e que o negócio lhe valeu ganhos de 150%.
Rui Machete vendeu acções da SLN ao BPN com ganhos de 150%
Pedro Catarino/Correio da Manhã
Negócios 02 de agosto de 2013 às 09:28

O novo ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, Rui Machete, confirmou ao "Público" ter adquirido cerca de 25,5 mil títulos da SLN por um euro cada que mais tarde vendeu ao BPN por 2,5 euros, o que corresponde a um ganho de 150%. Machete nega, assim, ter feito qualquer venda das acções à Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento quando era seu presidente, como foi noticiado.

 

O negócio agora assumido pelo ministro tem contornos semelhantes ao que foi também realizado por Cavaco Silva que, lembra o "Público", resultou num ganho de 350 mil euros para a família do Presidente da República.

 

A ligação de Rui Machete ao BPN - foi presidente do Conselho Superior da Sociedade Lusa de Negócios - gerou polémica depois da sua nomeação para os Negócios Estrangeiros, sobretudo porque o cargo foi omitido nos currículos do novo ministro.


Enquanto presidiu à FLAD, escreve igualmente o "Público", Rui Machete autorizou a fundação a investir directamente no BPN, pela compra de 2.267.000 títulos, um lote que acabaria posteriormente por ser vendido com uma mais-valia superior a um milhão de euros.




Saber mais e Alertas
pub