Economia Senador Ted Cruz vence 'caucus' republicano no Iowa

Senador Ted Cruz vence 'caucus' republicano no Iowa

O senador pelo Texas Ted Cruz impôs-se, esta noite, ao magnata Donald Trump na disputa republicana no 'caucus' do estado norte-americano do Iowa, de acordo com as projecções avançadas pelos meios de comunicação social.
Senador Ted Cruz vence 'caucus' republicano no Iowa
Bloomberg
Lusa 02 de fevereiro de 2016 às 07:43

O senador favorito dos eleitores evangélicos, de origem cubana, reuniu 28% dos apoios contra 24% de Trump, o seu principal rival, no 'caucus' do Iowa, que abre a etapa das primárias das eleições presidenciais nos Estados Unidos, segundo diferentes projecções, nomeadamente da cadeia televisiva CNN e do jornal The Washington Post.

Em terceiro lugar ficou o senador pela Florida, Marco Rubio, também de origem cubana, com 23%. A uma distância considerável surgiu o neurocirurgião Ben Carson (9%) e o senador pelo Kentucky Rand Paul (4,5 %).

Tanto Cruz como Trump surgiam praticamente empatados nas sondagens prévias. Donald Trump já reconheceu que ficou atrás de Ted Cruz e disse sentir-se "honrado" com o segundo lugar.

Entretanto, o pré-candidato republicano Mike Huckabee anunciou a sua retirada da corrida eleitoral, após ter conseguido apenas 2% dos apoios do 'caucus' do Iowa.

"Suspendo oficialmente a minha campanha. Obrigado por todo o leal apoio", escreveu na sua conta na rede social Twitter o ex-governador do Arkansas que, curiosamente, foi o vencedor do 'caucus' do Iowa em 2008.

 

Huckabee, que apesar da vitória perdeu nesse ano a nomeação republicana para John McCain, anunciou a sua saída de cena pouco depois de o aspirante democrata Martin O'Malley ter feito o mesmo, também devido aos fracos resultados (menos de 1% dos votos).


A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub
pub
pub
pub