Economia Síria rompe "namoro" entre Trump e Putin
Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE

Síria rompe "namoro" entre Trump e Putin

As ligações da administração americana à Rússia faziam antever um eixo Washington--Moscovo que a crise na Síria veio colocar em causa. A resposta americana ao alegado ataque químico feito por Assad, desfez uma aliança antes ainda da sua consagração.
Síria rompe "namoro" entre Trump e Putin
Reuters
David Santiago 11 de abril de 2017 às 21:09

Em vez de convergência, será a divergência de interesses a marcar a primeira cimeira bilateral entre os Estados Unidos e a Rússia desde que Donald Trump tomou posse como presidente norte-americano.

)

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais



A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
pinheiral 12.04.2017

O culto da personalidade de Trump aliado aos media ocidentais, é perigoso para todo o Planeta.
Não há provas do autor dos ataques químicos, tudo levando a crer que foram os EUA a faze-lo e a investir 59 mísseis já obsoletos e a necessitarem de ser substituídos.
Assim vai o Planeta, ao sabor de mentiras, falsidades e monstruosidades numa Síria moderna, não fundamentalista, cujos únicos pecados são milenares: zona fulcral de passagem comercial e ter petróleo.

Conselheiro de Trump 11.04.2017

Duma coisa sei se o assad tiver a possibilidade de iscar a tensao, se e que ela existe,ele nao pensa duas vezes.Sabemos que America esteve afastada em certa medida destas andancas durante a governacao Obama,mas nao creio que a Russia nao tenha a tecnologia de armamento que America tem.

Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub
pub
pub
pub