Política Sondagem: PSD sobe mais do que PS e diminui distância

Sondagem: PSD sobe mais do que PS e diminui distância

A segunda sondagem da Aximage realizada em Setembro mantém o PS como vencedor claro se as legislativas fossem agora. Mas apesar de tanto socialistas como social-democratas verem crescer as intenções de voto, o PSD sobe mais e aproxima-se do PS. BE regista a maior queda e fica empatado com a CDU.
Sondagem: PSD sobe mais do que PS e diminui distância
Miguel Baltazar/Negócios
David Santiago 01 de outubro de 2017 às 19:00

Depois de o PS ter superado quase sem mácula o período mais crítico para o Governo em cerca de meia legislatura, designadamente os casos de Pedrógão Grande e de Tancos, os socialistas viram cair a vantagem detida sobre o PSD.

 

É isso que mostra a sondagem realizada pela Aximage - é a segunda sondagem referente ao mês de Setembro - para o Negócios e o Correio da Manhã, já que apesar de o PS crescer dos 43% verificados no início do mês passado para 43,7% enquanto o PSD sobe de 22,9% para 25,8%.

 

Assim, entre os dois barómetros de Setembro da Aximage o PSD consegue recuperar 2,2 pontos percentuais relativamente ao PS.

 

Os dois maiores partidos são mesmo os únicos a crescer nesta sondagem, já que o Bloco de Esquerda recua perto de 1,5 pontos para 7,8% das intenções de voto, com os bloquistas a serem apanhados na terceira posição pela CDU (coligação entre o PCP e os Verdes).

 

A coligação liderada por Jerónimo de Sousa mantém os 7,8% já registados no anterior estudo de opinião da Aximage, o que lhes permite distanciarem-se face ao CDS que ao perder um ponto para se fixar nos 4,1% fica ainda mais em último lugar se consideradas cinco maiores forças políticas nacionais.


Costa é o mais popular mas Cristas é quem ganha mais popularidade

 

O primeiro-ministro continua a ser encarado pelos inquiridos pela Aximage como o líder partidário com maior índice de popularidade. António Costa vê mesmo a sua aceitação crescer ligeiramente face à última sondagem para um total positivo de 13,3 pontos (classificação atribuída de 0-20).

 

Os líderes dos partidos que suportam, no Parlamento, a actual solução governativa mantêm também níveis de popularidade positivos. Tanto Catarina Martins, coordenadora bloquista, como Jerónimo de Sousa, secretário-geral comunista, ficam respectivamente com 11 e 10,1 pontos.

 

O destaque mais positivo cabe à presidente do CDS. Assunção Cristas é a líder cuja popularidade mais sobe, de 7,2 para 8,2 pontos, embora se mantenha em níveis negativos. A líder centrista beneficia de um período de maior exposição mediática já que a presidente do CDS é candidata do partido à câmara de Lisboa.

 

Já o presidente do PSD, Passos Coelho, mantém a tendência de quebra de aceitação juntos dos entrevistados pela Aximage. Passos garante uma nota de 4,6 pontos.






A sua opinião9
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado semcrer Há 3 semanas

Não atirem já os foguetes saudosistas PAF(ientos)!

Vamos aguardar pelos resultados deste PSD travestido...

comentários mais recentes
Tereza Há 3 semanas

Esta sondagem deve ser encomenda socialista para segurar o Passos no PSD assim ganhariam eternamente pois muita asneira que fizessem.

Social Democrata Há 3 semanas

Venho penitenciar-me pois não referi o empenho e a honestidade da dra Teresa Leal Coelho, a qual merecia um resultado muito melhor. Serão as"Teresas"do PSD que salvarão o partido. E deverão ser as"Teresas" o PSD a proceder à limpeza do partido. E SEM MEDOS !!! É PEGAR NA VASSOURA E VARRER O LIXO !!!

Social Democrata Há 3 semanas

Os PERTINAZES do PSD é que rebentam com o partido. São os PERTINAZES que infestam o PSD e tem que ser banidos do partido. Os verdadeiros sociais democratas tem que fazer uma limpeza no PSD. Sem olhar a nomes. O PSD está acima de tudo e de todos. Recupere-se a honestidade do PPD de Sá Carneiro !!!

Neves Há 3 semanas

Parece que em Lisboa é uma subida vertiginosa

ver mais comentários
pub
pub
pub
pub