Obrigações S&P corta rating de Moçambique para 10º nível de lixo

S&P corta rating de Moçambique para 10º nível de lixo

A agência de notação financeira Standard & Poor's reduziu a classificação da dívida soberana de Moçambique, do 8º para o 10º nível do chamado lixo.
S&P corta rating de Moçambique para 10º nível de lixo
Record
Carla Pedro 04 de Novembro de 2016 às 22:18

A S&P decidiu cortar em dois níveis a classificação atribuída à dívida soberana de longo prazo de Moçambique, passando-a de CCC para CC. Está agora no 10º nível da categoria de investimento especulativo (ou lixo), a um passo de entrar numa categoria que já é considera de incumprimento.

 

No actual patamar, a S&P considera que existe um elevado risco de incumprimento e que a capacidade de pagamento depende de condições favoráveis e sustentáveis.

A agência justifica esta decisão com o anúncio feito pelo governo relativamente à intenção de reestruturar os seus encargos da dívida.

 

Está em causa, sublinha a S&P no relatório divulgado esta sexta-feira, a reestruturação de 1,73 mil milhões de dólares de créditos comerciais, decisão que a agência considera que "prefigura um ‘default’ [incumprimento]".

 

Quanto à perspectiva para a evolução da qualidade da dívida moçambicana, a agência considera que é negativa, o que deixa no ar a possibilidade de os cortes não terem ficado por aqui.

"Este ‘downgrade’ surge depois de Moçambique ter dito que precisa de renegociar os termos da sua dívida de modo a aceder a novos financiamentos por parte do Fundo Monetário Internacional", destaca a S&P no seu relatório. 


(notícia actualizada às 22:32)




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub
Saber mais e Alertas
pub
pub
pub