Teodora Cardoso: Portugal tem de "pensar pela própria cabeça e ir além do que nos mandam"
01 Junho 2012, 08:09 por Jornal de Negócios Online | negocios@negocios.pt
Enviar por email
Reportar erro
0
Presidente do Conselho de Finanças diz que o Governo tem de empenhar-se na explicação das medidas que toma em matéria de finanças públicas e de política económica.
Teodora Cardoso, Presidente do Conselho de Finanças Públicas, diz em entrevista à TSF que é positivo que Portugal cumpra o programa de troika mas isso não basta, pois Portugal tem de “pensar pela própria cabeça e ir além do que nos mandam”.

“É preciso tornar muito claro que nós não estamos a tentar unicamente corrigir algumas coisas para depois voltar ao passado mas estamos efectivamente a propor-nos mudar de vida”, sublinhou.

Teodora Cardoso critica ainda a forma como o Governo está a comunicar aos portugueses as medidas que está a aplicar. “Não bastam listas de medidas. É preciso saber o que já foi feito. E se é muito difícil acompanhar isto em Portugal, para os estrangeiros é totalmente impossível, nem sequer tentam”, explicou na entrevista à TSF.

Ainda assim, a Presidente do Conselho de Finanças Públicas mostra-se optimista com o ajustamento de Portugal, confiando que “se tudo correr bem”, Portugal “não precisará de mais tempo nem mais dinheiro” e “se fizermos as coisas bem feitas, dentro de cinco anos teremos impostos muito mais baixos”.

A responsável assinala que a Europa “está à beira do abismo” e que se Espanha necessitar de ajuda, todos os países europeus vão sofrer com o agravar da crise.

Enviar por email
Reportar erro
0
pesquisaPor tags:
alertasPor palavra-chave: