Américas Trump diz que substituto de Comey "fará um trabalho muito melhor" no FBI

Trump diz que substituto de Comey "fará um trabalho muito melhor" no FBI

O Presidente norte-americano, Donald Trump, disse hoje que vai substituir o director do FBI James Comey, que demitiu terça-feira, "por alguém que vai fazer um trabalho muito melhor" e "recuperar o espírito e prestígio do FBI".
Trump diz que substituto de Comey "fará um trabalho muito melhor" no FBI
Reuters
Lusa 10 de maio de 2017 às 14:02
Comey conduzia uma investigação às eventuais relações entre a equipa de campanha de Trump nas eleições de 2016 e a Rússia.

"O FBI [polícia federal norte-americana] é uma das instituições mais respeitadas do nosso país e hoje marca um novo ponto de partida para a agência referência do nosso sistema judicial", considerou Donald Trump num comunicado divulgado terça-feira pela Casa Branca.

Num tweet enviado hoje, o Presidente norte-americano atacou o Partido Democrata, que na noite de terça-feira criticou a decisão presidencial de afastar Comey, comparando o episódio à tentativa de encobrimento feita pelo presidente Nixon no caso Watergate.

Os Democratas, disse Trump, "disseram algumas das piores coisas sobre James Comey, incluindo o facto de que ele deveria ter sido demitido, mas agora fazem o jogo de que estão muito tristes!".

Particularmente visado nos comentários de Trump foi o líder da minoria Democrata no Senado, Chuck Schumer, que tal como o Presidente é nova-iorquino.

Trump tinha ligado a Schumer para o informar da sua decisão. O líder democrata relatou que disse a Trump que este "estava a cometer um grande erro".

Schumer questionou o porquê de a demissão ter acontecido agora e levantou a hipótese de as investigações em curso no FBI sobre as ligações da campanha de Trump com a Rússia estarem "a chegar demasiado perto do Presidente". Disse ainda que se não for nomeado um procurador especial para investigar o caso [algo que aconteceu no caso Watergate e que levou ao afastamento de Nixon da presidência], os americanos terão razões para pensar que o afastamento de Comey é uma manobra para "encobrir" algo.

Também no Twitter, Trump atacou Schumer: "o choramingas Chuck Schumer declarou recentemente 'já não tenho confiança nele (James Comey)' E agora finge-se tão indignado".



A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub