Economia UE está pronta para lançar fundo permanente de resgate a 9 de Julho

UE está pronta para lançar fundo permanente de resgate a 9 de Julho

A União Europeia apontou para 9 de julho como a data de estreia do fundo permanente de resgate da Zona Euro, o Mecanismo de Estabilidade Europeu.
Lusa 02 de Junho de 2012 às 18:47
A União Europeia (UE) apontou para 9 de julho como a data de estreia do fundo permanente de resgate da zona euro, o Mecanismo de Estabilidade Europeu, que será dotado de 500 mil milhões de euros, segundo uma fonte comunitária.

A informação foi hoje avançada à agência de informação financeira Bloomberg por uma fonte da UE que pediu anonimato.

De acordo com esta fonte, a data de arranque do novo instrumento financeiro depende largamente dos progressos que serão feitos na Alemanha, onde os deputados deverão votar esta questão, no máximo, até à primeira semana de julho.

Os parlamentos dos 17 países da zona euro têm que ratificar o fundo antes de este ser disponibilizado e, até que o novo mecanismo esteja capitalizado em 90 por cento do seu limite previsto, as ajudas aos países da zona euro em dificuldades continuarão a ser feitas através do Fundo Europeu de Estabilidade Financeira (FEEF), que foi dotado com 440 mil milhões de euros, dos quais, estão atualmente disponíveis 240 mil milhões de euros.

O Mecanismo de Estabilidade Europeu (ESM, na sigla em inglês) é a peça central da proteção de 1 biliões de euros que a Europa quer ter disponível para estancar o contágio das crises da dívida soberana que já levaram à intervenção internacional na Grécia, na Irlanda e em Portugal.

Até ao momento, apenas Portugal e a França já ratificaram o ESM, estando previsto que no decorrer das próximas semanas os restantes parlamentos dos países da zona euro deliberem sobre a matéria.




A sua opinião3
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Rapaz 03.06.2012

O problema é que é tarde e quando chegar esse tempo, já a Espanha pediu resgate, a Grécia está fora da Europa e Itália encontra-se em vésperas de pedir ajuda!Os vencimentos sobem nos países do norte da Europa e descem em condições chinesas para os países do sul.A propósito, alguém sabe porque não falam sobre as dividas dos países anglo-saxónicos!!!Estejam atentos ao caos, também para a Alemanha e seus acólitos!

ZE DO SUL 02.06.2012

OS PAISES DO NORTE FORAM BEM GOVERNADOS...E COLHEM O FRUTO DA BOA GOVERNAÇAO...OS PAISES DO SUL FORAM BEM DESGOVERNADOS...E COLHEM O FRUTO DA BOA DESGOVERNAÇAO...O MAL E O BEM A FAÇE VEM....CADA UM COLHE O QUE SEMEIA....

a bem do Nazismo! 02.06.2012

Mecanismo de Estabilidade Europeu, aumento dos salários nos países de Norte e baixa de salários nos países de Sul, isto qualquer um sabe, são estas as medidas desta mafiosa UE, agora está chegando ao tempo da revolta dos escravos!
fico tão agradecido aos países de Norte, sem eles nunca seria um dos escravos!

pub