Conjuntura Um ano depois, Governo ainda não convenceu investidores
Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE

Um ano depois, Governo ainda não convenceu investidores

Os próximos meses serão uma prova de fogo. Ao fim de um ano, há sinais positivos nas contas públicas, no mercado de trabalho e a economia parece ganhar dinamismo. Mas falta investimento e baixar o prémio de risco exigido ao país pelos investidores que penaliza os custos de financiamento do país.
Um ano depois, Governo ainda não convenceu investidores
Bruno Simão/Negócios
Rui Peres Jorge 25 de Novembro de 2016 às 00:01

No primeiro ano, o Governo regista vitórias no défice público e no mercado de trabalho, e deposita esperança na recuperação da confiança dos empresários registada pelo INE desde o início

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais



A sua opinião3
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo Há 1 semana

Isto é que é gentuça de confiança! Este pires tem pinta de investidor estouvado, deve supor que quem tem o dinheiro vai na conversa do bosta que só quer é votos para se manter no poder. É já a seguir que eles o põem cá para a Mortágua ir trabalhar com a Catarina e o Loução naqueles grupos de trabalho que servem para estudarem onde o vão buscar. Amanhã chegam três camionetas de investidores. Com uma Europa cheia de regras decentes vinham para aqui dar mama aos comunistas. É que é já a seguir.

comentários mais recentes
Anónimo Há 1 semana

"vêm a procura, de mama tetas, para abocalhar. Vêm a procura de um porco em troca de um chourico. Os ditos investidores e so falidos a procura do el- dorado."

claro que quem investe é para receber dinheiro...Quando meto $ numa poupança é para receber mais $$, não é para ajudar o banco a existir...

O meu patrão não veio para Portugal pra dar dinheiro aos portugueses pra redistribuir riqueza, veio para portugal para rentabilizar o seu capital, e ao fazer isso dá trabalho a mais de 2000 pessoas.. sim o meu patrão recebe muito e mama na teta... mas à custa disso há 2000 portugueses a poder sustentar a sua familia com salarios acima da média..

E o meu patrao pode muito bem ir para paises mais baratos..em 2009 ia abrir mais uma fábrica cá (200 postos de trabalho), mas a politica fizeram no ir pro brasil e alemamha..

o investidor está a mamar la fora
cá há 200 familias a mais no desemprego..e um idiota a insultar quem quer investir porque gosta de ser enganado pelos politicos

Mas quais Investidores! Mamoes Há 1 semana

Mais um jornaleca em bicos de pes a defender aquilo que nada lhes pertence. Quem vêm para Portugal vêm a procura, de mama tetas, para abocalhar. Vêm a procura de um porco em troca de um chourico. Os ditos investidores e so falidos a procura do el- dorado.

ze pires Há 1 semana

Agradeçam ao governo anterior, esses aldrabões causaram o caos dos mercados,
São pagos para defenderem essa gentuça??

Resposta de Anónimoa ze pires Há 1 semana

Isto é que é gentuça de confiança! Este pires tem pinta de investidor estouvado, deve supor que quem tem o dinheiro vai na conversa do bosta que só quer é votos para se manter no poder. É já a seguir que eles o põem cá para a Mortágua ir trabalhar com a Catarina e o Loução naqueles grupos de trabalho que servem para estudarem onde o vão buscar. Amanhã chegam três camionetas de investidores. Com uma Europa cheia de regras decentes vinham para aqui dar mama aos comunistas. É que é já a seguir.

Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub
Saber mais e Alertas
pub
pub
pub