Conjuntura Zona Euro cresce mais do que o esperado no final do ano

Zona Euro cresce mais do que o esperado no final do ano

A economia da Zona Euro cresceu a um ritmo superior ao esperado, com o último trimestre a superar as previsões.
Zona Euro cresce mais do que o esperado no final do ano
Sara Antunes 31 de janeiro de 2017 às 10:08

O produto interno bruto (PIB) da Zona Euro cresceu 0,5%, no quarto trimestre do ano quando comparado com os três meses anteriores, revelou esta terça-feira, 31 de Janeiro, o Eurostat. As estimativas da unidade de "research" da agência Bloomberg apontavam para um crescimento de 0,4%.

 

Em termos homólogos, a economia aumentou 1,8%, o que também superou a previsão de 1,7% estimadas pela unidade da Bloomberg, ainda que os economistas admitissem a possibilidade dos números superarem as estimativas.

Já a média de estimativas dos economistas consultados pela agência de informação americana previam um crescimento em cadeia de 0,5% e uma expansão homóloga de 1,7%.

Os dados conhecidos esta terça-feira são preliminares e não têm informação detalhada por países, ainda que já alguns estados-membros tenham revelado os dados do PIB do último trimestre do ano: Alemanha, Espanha e França.

A maior economia da Zona Euro cresceu 1,9% no ano passado, revelou o instituto de estatísticas do país no dia 12 de Janeiro, citado pela Bloomberg. Este valor representa um acelerar do ritmo de crescimento, já que, em 2015, a economia tinha crescido 1,7%.

Esta terça-feira, França revelou os dados do último trimestre, tendo reportado que o PIB cresceu 0,4%, depois de ter subido 0,2% nos três meses anteriores. O crescimento da segunda maior economia europeia foi impulsionado pela evolução positiva dos gastos das famílias e do investimento das empresas. Segundo os dados do Insee, a procura interna contribui em 0,6 pontos percentuais para a subida do PIB e o comércio externo em 0,1. Ainda assim, França fica aquém da Alemanha e Espanha, no conjunto do ano.

 

Ontem foi a vez de Espanha revelar que a economia cresceu 0,7% em cadeia no último trimestre. Já no acumulado do ano, o PIB espanhol aumentou 3,2%.

O INE só revela os dados do PIB português no dia 14 de Fevereiro.

Já a União Europeia cresceu 0,6%, em cadeia, e 1,9% em termos homólogos.


(Notícia actualizada às 10:18 com mais informação)




A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
investidor1 31.01.2017

https://goo.gl/forms/UTRRJmvQHDnvfxlG2

Obrigado!

investidor1 31.01.2017

https://goo.gl/forms/UTRRJmvQHDnvfxlG2

Obrigado!

pub
Saber mais e Alertas
pub
pub
pub