Finanças Públicas Bruxelas cancela multa e dá folga a Costa em 2016
Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE

Bruxelas cancela multa e dá folga a Costa em 2016

Para surpresa geral, a Comissão propôs a anulação da multa a Portugal por mau desempenho orçamental passado e flexibilizou metas para este ano. Mas para 2017, Bruxelas aumenta a pressão. Ministros da UE têm a palavra final sobre a proposta de Bruxelas.
Bruxelas cancela multa e dá folga a Costa em 2016
Reuters

A Comissão Europeia propôs um cancelamento da multa a Portugal, aliviando a pressão sobre o Governo de António Costa para este ano. Porém, Bruxelas quer que a austeridade seja reforçada em 2017.

)

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais



A sua opinião20
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Pricemt Há 3 semanas

Após o BREXIT as multas seriam um tiro no pé da UE, as ameaças não passaram de uma encenação da comissão legitimamente preocupada com a possibilidade de uma contaminação referendária. Se as sanções fossem aplicadas ... adeus UE

comentários mais recentes
Anónimo Há 3 semanas

Não precisamos de folgas precisamos de continuar a trabalhar e a acreditar no nosso país. Uma coisa mudou muito a banca já não vive os tempos da impunidade...isso é o mais importante porque foi aí que se gastaram os 78 mil milhões da Troika do Passos...

Anónimo Há 3 semanas

a escumalha de esquerda está tofda contente que ja tem cerca de 1000 milhoes de austeridade da boa para aplicar. E o monhé fica a fritar .

TROTIL Há 3 semanas

Afinal não há problema nenhum: nem com o défice do ano passado , nem com as medidas entretanto tomadas por este Governo..

A ver vamos.

KKKKKKK Há 3 semanas

Onde param os comentadores da direita ? Será que adoeceram ? A verdade é que ontem fartaram-se de teclar e possívelmente estão com uma tendinite. Sinceros desejos de rapidas melhoras. Votos dum rapido regresso. Sinceramente, já tenho saudades dos comentarios da direita.

ver mais comentários
Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub
Saber mais e Alertas
pub
pub
pub