LEX Brexit: "Portugal deve apoiar posição negocial britânica"
Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
LEX

Brexit: "Portugal deve apoiar posição negocial britânica"

Joaquim Shearman de Macedo diz que o Brexit prejudicará Portugal, se o Reino Unido, um dos principais parceiros, não tiver acesso ao espaço económico europeu. Por isso, o sócio da CMS-RPA defende que o país deve "apoiar a posição negocial britânica".
Brexit: "Portugal deve apoiar posição negocial britânica"
Miguel Baltazar
João Maltez 30 de março de 2017 às 11:10

A área dos seguros e fundos de pensões, em que o advogado Joaquim Shearman de Macedo é especialista, tem no Reino Unido a principal praça a nível mundial. Com o Brexit, o acesso das seguradoras britânicas ao espaç

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais

A sua opinião5
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo 30.03.2017

Apoiado! Portugal e Inglaterra são poucos países da Europa que estiveram sempre do lado certo da história.
Já estivemos com a Inglaterra contra a Europa de Napoleão, contra o Império Alemão, contra as patranhas dos espanhóis, etc.

Alentejano 30.03.2017

Os ingleses querem continuar na mama e na safadeza.... como andaram sempre ao longos so séculos. Isso é mesmo típico dos espertalhões e safadistas. Aproveitarem-se ao máximo da parolice dos outros ... armando-se em espertos.

Será que alguns tem o previlégio 30.03.2017

da estupidez ? se for o caso a imprensa deveria selecionar (certas) opiniões de quem procura colocar-se em bicos de pés, sabe-se lá porquê. Portugal vai (tentar) capitalizar a seu favor, a vinda de empresas e afins para o país, onde num regime favorável poderão exercer a sua atividade dentro da UE.

Anónimo 30.03.2017

Portugal vai ser uma ponte económica e financeira entre a Inglaterra e a União Europeia,porque merece a confiânça de ambos.

ver mais comentários
Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub
pub
pub
pub