Política Barómetro: Maioria acredita que Governo de Costa dura pelo menos dois anos

Barómetro: Maioria acredita que Governo de Costa dura pelo menos dois anos

Mais de 30% dos inquiridos no Barómetro da Aximage responde que o Governo PS estará em funções toda a legislatura. 18% acredita que não durará um ano.
Barómetro: Maioria acredita que Governo de Costa dura pelo menos dois anos
Miguel Baltazar/Negócios
Negócios 07 de dezembro de 2015 às 07:00

A maioria dos portugueses acredita que o Governo de António Costa vai durar pelo menos dois anos, de acordo com os resultados do barómetro conduzido pela Aximage para o Negócios e Correio da Manhã.

 

À pergunta "Quanto tempo acha que o actual Governo vai durar", 31% dos inquiridos considera que o Executivo PS vai cumprir os quatro anos da legislatura. Apenas 3,9% acha que vai durar três anos e 17,1% fala numa duração de dois anos.

 

A média das respostas a este barómetro aponta para que o Governo que é apoiado no Parlamento pelo PS, PCP e Bloco de Esquerda dure dois anos e dois meses. A duração de um ano foi a segunda resposta mais escolhida pelos inquiridos, representando 22,9% do total sendo que 18% acredita que António Costa nem um ano estará em funções como primeiro-ministro.

 

Na sondagem realizada em Novembro, quando um Governo PS era ainda uma hipótese, apenas 26,5% dos inquiridos acreditaria que um executivo liderado por António Costa iria toda a legislatura. A resposta mais escolhida, apontada por 29,8% dos inquiridos, apontava para que um governo liderado por PS não duraria mais de um ano.

 

Já na sondagem de Outubro, feita logo após as eleições legislativas, quando foi questionada a durabilidade do Governo de Passos Coelho, 42,5% dos inquiridos respondeu que duraria toda a legislatura e apenas 11,5% considerava que ficaria em funções menos de um ano. O Executivo do anterior primeiro-ministro durou apenas 29 dias.


FICHA TÉCNICA

Universo: indivíduos inscritos nos cadernos eleitorais em Portugal com telefone fixo no lar ou possuidor de telemóvel.

Amostra: aleatória e estratificada (região, habitat, sexo, idade, escolaridade, actividade e voto legislativo) e representativa do universo e foi extraída de um sub-universo obtido de forma idêntica. A amostra teve 605 entrevistas efectivas: 281 a homens e 324 a mulheres; 57 no Interior Norte Centro, 86 no Litoral Norte, 102 na Área Metropolitana do Porto, 107 no Litoral Centro, 168 na Área Metropolitana de Lisboa e 85 no Sul e Ilhas; 99 em aldeias, 160 em vilas e 346 em cidades. A proporcionalidade pelas variáveis de estratificação é obtida após reequilibragem amostral.

Técnica: Entrevista telefónica por C.A.T.I., tendo o trabalho de campo decorrido entre os dias 28 de Novembro e 2 de Dezembro de 2015, com uma taxa de resposta de 82,7%.

Erro probabilístico: Para o total de uma amostra aleatória simples com 605 entrevistas, o desvio padrão máximo de uma proporção é 0,020 (ou seja, uma "margem de erro" - a 95% - de 4,00%).

Responsabilidade do estudo: Aximage Comunicação e Imagem Lda., sob a direcção técnica de Jorge de Sá e de João Queiroz.


 




A sua opinião18
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
João Duarte 07.12.2015

Pelo que veio escrito esta semana, sobre a sua atitude desde os 18 anos, acredito que deve conseguir, fazer a legislatura, pois este Senhor sempre conseguiu enganar os seus parceiros para atingir os seus fins, mesmo tendo abandonado quem o elegeu, para fazer novos acordos, com a finalidade de continuar de PÉ. A isto se costuma chamar de grande vendedor de BANHA DA COBRA, que faz bem a todos os males, e que quem lucra é quem as vende e quem perde é quem acredita neles.

Leonelquentalfariacebola Faria 07.12.2015

Nao precisa de fazer " Maratona " que fique por 8 anos,

João Rosa 07.12.2015

Uma carroça socialista puxado por um boi comunista e uma vaca PCP caviar. Vai ser uma fartote! Estamos cá todos para nos rir!

Nuno Alves 07.12.2015

Neum ano vai durar xD

ver mais comentários
pub
pub
pub
pub