Política Soros: Trump está a fazer o trabalho do ISIS

Soros: Trump está a fazer o trabalho do ISIS

O célebre investidor George Soros considera que, nesta campanha das eleições presidenciais de 2016 nos EUA, o candidato Donald Trump está a fazer o trabalho do Estado Islâmico. Soros falou com a Bloomberg, em Davos, onde participa no Fórum Económico Mundial.
A carregar o vídeo ...
Bloomberg TV Carla Pedro 22 de janeiro de 2016 às 00:16

George Soros, investidor multimilionário e notório filantropo, disse esta quinta-feira à noite, num jantar no segundo dia do Fórum Económico Mundial, que tem lugar em Davos (Suíça), que os candidatos presidenciais republicanos das eleições deste ano nos EUA estão a desempenhar o mesmo papel que o ISIS (o autoproclamado Estado Islâmico) ao demonizarem os muçulmanos.

 

"Ao promoverem o medo, Donald Trump e outros, como Ted Cruz e por aí fora, estão a fazer o trabalho do ISIS", declarou Soros, reconhecidamente democrata.

 

"Eles [o Estado Islâmico] querem que as pessoas se virem contra os muçulmanos e que os tratem de maneira suspeitosa, para então poderem convencer a comunidade muçulmana de que não há alternativa ao terrorismo", acrescentou o investidor de origem húngara.

Soros, recorde-se, ganhou mil milhões de dólares a apostar na queda da libra em 1992, sendo conhecido como o homem que bateu o Banco de Inglaterra.


A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Carlos Machado 22.01.2016

Palavras sábias.

pub
pub
pub
pub