Saúde Estado devolve 10 hospitais às Misericórdias até 2014

Estado devolve 10 hospitais às Misericórdias até 2014

Seis unidades do Norte, Centro e Alentejo são entregues já este ano, segundo o "Jornal de Notícias".
Estado devolve 10 hospitais às Misericórdias até 2014
Negócios 08 de agosto de 2013 às 09:34

O Estado vai entregar 10 hospitais para serem geridos pelas Misericórdias. O processo foi anunciado em 2011, mas um grupo de trabalho esteve a estudar os 30 casos que poderiam ser enquadrados nesta transferência.

 

O "JN" escreve esta quinta-feira, 8 de Agosto, que está prevista a aprovação em breve, em Conselho de Ministros, a transferência e o diploma que regula a relação do Estado com as instituições sociais e concessão do Centro de Reabilitação do Norte às Misericórdias.

 

Até ao fim do ano, a gestão de seis hospitais de pequena dimensão são transferidos para as Misericórdias. São eles Fafe, São João da Madeira, Anadia, Ovar, Cantanhede e Serpa. Em 2014 será a vez de Vila do Conde, Póvoa de Varzim, Santo Tirso e Barcelos.

 

O "JN" garante que a transferência não trará mudanças para os utentes, já que os hospitais continuam a integrar o Serviço Nacional de Saúde. Só a gestão passa para entidades sociais. Já para os profissionais que trabalham nestes hospitais, os que sejam funcionários públicos podem optar por permanecer vinculados ao Estado ou transferirem-se para as Misericórdias. Os profissionais com contrato individual de trabalho serão transferidos. 




A sua opinião7
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo 08.08.2013

Muito bem!!! Como era há alguns anos e com bom funcionamento e como funciona nos países mais desenvolvidos da Europa. Nós não precisamos de um SNS com existe, precisamos do um Sistema Nacional de Saúde que integre outras entidades. Como já se provou a criação de um monstro enorme como o SNS só teve razões de natureza ideológica e não funcional. Criou-se um serviço que favoreceu a corrupção a todos os níveis e que faz com em Portugal no Sec. XXI tenhamos pessoas às 4h da manhã à porta dos Centros de Saúde, esperas para consultas e cirurgias de meses e anos e degradação de muitos serviços. A gestão do património pelas comunidades locais pode ser muito positivo. Ao Estado compete regular e fiscalizar porque quem muito burros toca, algum deixa para trás. Parabéns Macedo!

comentários mais recentes
Saraiva14 21.08.2013

10 hospitais, só!? Devia era entregar-lhe-os todos! ..Ficávamos muito mais, 'bem melhor', servidos!

Anónimo 11.08.2013

Deixarem-nos nesta expetativa tanto tempo bem o podem fazer no imediato pois andamos a sofrer dia após dia
se e´para entregar os nossos hospitais que o façam bem depressa

Fididido 08.08.2013

Só espero é que não entreguem ao Santana Lopes...porque senão temos borrascada e da grossa!

FRAuDE 08.08.2013

Foi feito atraves de um processo de concurencia ou mais uma vez estamos a FRAUDAR e COLABORAR com a MAFIA?

ver mais comentários
pub
Saber mais e Alertas
pub
pub
pub