Automóvel Portugal lidera aumento nas vendas de automóveis na UE

Portugal lidera aumento nas vendas de automóveis na UE

Na Europa as vendas de automóveis de passageiros estão a subir há seis meses consecutivos. Portugal é o país onde a recuperação está a ser mais forte.
Portugal lidera aumento nas vendas de automóveis na UE
Nuno Carregueiro 18 de março de 2014 às 08:30

As vendas de automóveis de passageiros em Portugal aumentaram 40,2% em Fevereiro e 36,2% nos dois primeiros meses do ano, o que representa as maiores subidas entre os países da União Europeia. Em Janeiro Portugal tinha apresentado o segundo crescimento das vendas mais acentuado, coma Irlanda a registar uma melhor prestação.

 

De acordo com as estatísticas hoje divulgadas pela ACEA, associação automóvel europeia, as vendas de automóveis na União Europeia aumentaram 8% em Fevereiro, no sexto mês consecutivo de subidas.

 

Depois da crise ter abalado o sector automóvel europeu nos últimos anos, o sector está a dar sinais de recuperação nos últimos meses, indicando uma retoma na economia europeia, com os consumidores a comprarem mais bens duradouros. Nos dois primeiros meses do ano a subida das vendas foi de 6,6%.

 

Apesar da recuperação, a ACEA nota que o volume de carros vendidos no mês passado na Europa (861.068) foi o segundo mais baixo para um mês de Fevereiro, desde que estes dados são recolhidos.

 

Em Portugal a tendência é a mesma. As subidas acentuadas nas vendas surgem depois da recessão que afectou a economia ter levado as vendas de automóveis no país para valores mínimos. Para o conjunto deste ano a ACAP antevê uma evolução positiva nas vendas, sendo que o Governo antecipa um crescimento de 1,2% no PIB.

 

Nos dois primeiros meses do ano foram vendidos em Portugal 19.801 veículos. Bulgária, Hungria, Irlanda, Letónia, Lituânia, Polónia e Eslováquia, foram os outros países da UE onde das vendas cresceram mais de 20% nos dois primeiros meses. Portugal foi o único país com um aumento acima de 30%. 




A sua opinião45
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo 18.03.2014

Carrega Passos! Um Porshe para cada tuga!

comentários mais recentes
Anónimo 19.03.2014

É natural!
O único País onde o fisco apadrinha haver "empregados de luxo" ou “patrões” com leasing de carro, à “conta”, deduzindo os respectivos custos na empresa, podendo ainda, usufruir da ida de férias com a viatura, assim como, fazer todo o respectivo serviço pessoal diário! Uma boa maneira de ter um plano de ordenado em Portugal!

Delf Gonzales 18.03.2014

o desgoverno e os seus lacaios são os principais clientes ,e os que se venderam não foram os mais baratos ,mas os de topo de gama.,podiam especificar a noticia.

Luis Oliveira 18.03.2014

noticias de :poop:,foram os desempregados que investiram o subsidio ;)

joca 18.03.2014

com medo da crise poupei tanto q quando tal compro um ferrari a pronto...

ver mais comentários
Saber mais e Alertas
pub