Banca & Finanças Banif só conclui capitalização por privados em Janeiro

Banif só conclui capitalização por privados em Janeiro

O processo de capitalização do Banif com recurso a fundos privados só vai ficar concluído em Janeiro. Em causa estão cerca de 200 milhões que o banco liderado por Jorge Tomé pretende levantar junto de investidores internacionais. Apesar deste atraso, o Banif já pediu para reembolsar os 125 milhões de ajuda pública que tinha de pagar este ano.
Banif só conclui capitalização por privados em Janeiro
Maria João Gago 30 de dezembro de 2013 às 19:40

Cerca de 45% do aumento de capital privado, que o Banif se comprometera a concluir até ao final deste ano, só deverá ser concretizado no primeiro mês de 2014. Segundo apurou o Negócios, ainda decorrem negociações com investidores internacionais para colocar os cerca de 200 milhões de euros de reforço de fundos próprios que faltam para alcançar a meta de angariar 450 milhões através de meios privados.

 

Apesar deste atraso no processo de capitalização, o banco liderado por Jorge Tomé já solicitou ao Governo para reembolsar 125 milhões de apoio público que recebeu através da subscrição de instrumentos de capital contingente (“CoCos”), segundo noticiou o “Diário Económico” na sexta-feira, 27 de Dezembro.

 

O Banif assumiu o compromisso de aumentar o capital em 450 milhões com recursos privados no âmbito acordo celebrado quando o Estado injectou 1.100 milhões no banco fundado por Horácio Roque, no final de Janeiro de 2013. Deste valor, 700 milhões destinaram-se à subscrição de acções do Banif, enquanto os restantes 400 milhões foram aplicados em “CoCos”.

 

Desta última fatia, o grupo já reembolsou 150 milhões. Está prevista a devolução de 125 milhões no final de 2013 e, até ao final de 2014, terá de ser reembolsada a totalidade dos 400 milhões relativos aos “CoCos”.

 

Paralelamente, estão ainda em aberto as negociações entre o Banif e a Direcção-Geral da Concorrência da União Europeia, relativas ao plano de reestruturação que o banco terá de adoptar pelo facto de ter recebido ajuda do Estado.

 




A sua opinião16
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo 30.12.2013

ora aqui está um deposito a prazo para 2014
o meu já foi contituido com começo a 0,009, reforço hoje a 0,0103.
vou esperar e reforçarei só quando passar agora os 0,0125.

bom ano
bons negocios para 2014

comentários mais recentes
Anónimo 24.01.2014

um conhecido meu será parte do investimento no banif com 90 milhoes e mais nao digo comprei hoje 60 milhoes para quadriplicar!

Anónimo 31.12.2013

A mãe e as filhas não reforçam? Porquê? O Ex ministro dos negócios estrangeiros de José Socrates foi convidado a reforçar?

Anónimo 31.12.2013

Este privados deviam era ir trabalhar para o estado.
Sanguessugas, só sobrevivem à custa do estado.

BANIF 400% 31.12.2013

Meus amigos vendi todas a cotadas que tinha P.T (que não tem rumo e anda em contraciclo) ALTRI, SONAE.SGPS, MOTA-ENGIL (que não sobe) e comprei tudo BANIF...Quem não comprar BANIF vai deixar passar a oportunidade...Já se sabe que há investidor estrangeiro e vai ser apresentado em janeiro (QUAL É A DICA QUE QUE QUEREM?)...Subida na certa, agora não sei se passa dos 3centimos ou se vai chegar aos 5centimos mas que vai passar os 2centimos é mais que certo! AVISO VENDAM TUDO O QUE TENHAM E COMPREM ...BANIF 400% já em janeiro, BOM ANO e desejo-vos boa sorte nas vossas escolhas

ver mais comentários
pub