Banca & Finanças CGD põe fim a vazio na gestão das participadas
Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium Se já é assinante, faça LOGIN

CGD põe fim a vazio na gestão das participadas

É quase no final de 2018 que chega a autorização para os órgãos sociais de empresas da CGD, cujo mandato termina já no final do próximo ano. Algumas estiveram a funcionar apenas com dois administradores, quando os estatutos obrigam à existência de três.
CGD põe fim a vazio na gestão das participadas
Duarte Roriz/Correio da Manhã
Diogo Cavaleiro 09 de setembro de 2018 às 23:10

A Caixa Gestão de Ativos tem novo presidente executivo, bem como as suas três subsidiárias. Trata-se de Tiago Ravara Marques, o gestor chamado por António Domingues para a administração da Caixa Geral de Depó

)

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 22:00
Saiba mais
pub