Construção Lucros da Teixeira Duarte caem 4,3% no primeiro trimestre

Lucros da Teixeira Duarte caem 4,3% no primeiro trimestre

O volume de negócios da empresa liderada por Pedro Teixeira Duarte subiu 0,8%, para 359,4 milhões de euros, entre Janeiro e Março de 2015. Mercado externo representa 85,6% desse valor.
Lucros da Teixeira Duarte caem 4,3% no primeiro trimestre
Miguel Baltazar/Negócios
Carla Pedro 29 de maio de 2015 às 20:13

O resultado líquido atribuível a detentores de capital do Grupo Teixeira Duarte registou uma descida de 4,3% nos lucros dos primeiros três meses do ano, para 15,26 milhões de euros, contra 15,94 milhões no período homólogo de 2014.

 

"Importa assinalar que, para além do desempenho das empresas do grupo face ao período homólogo, este indicador foi influenciado por diferenças de câmbio no valor de 41,18 milhões de euros em 2015 e em 4,67 milhões de euros em 2014, refere o comunicado enviado pela construtora à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

 

No que diz respeito ao volume de negócios do período em análise, ascendeu a 359,49 milhões de euros, o que correspondeu a um aumento de 0,8% face ao primeiro trimestre do ano passado.

 

Tendo em conta a alienação da participada Petrin, que contribuiu com 11,26 milhões de euros para o volume de negócios do grupo no primeiro trimestre de 2014, o aumento do volume de negócios teria sido de 4,1% face a Março de 2014, ressalva o comunicado.

 

"Os outros mercados, que já representavam 84,4% deste indicador em Março do ano passado, aumentaram globalmente 2,4%, passando a representar 85,6% do total do volume de negócios do grupo Teixeira Duarte. Portugal registou uma quebra de 7,5% influenciada pela alienação da participada Petrin. Desconsiderando este efeito, Portugal teria registado um aumento de 15,9% face ao período homólogo", acrescenta o mesmo documento.

 

Já o EBITDA (resultado antes de impostos, juros, depreciação e amortização) ascendeu a 34,4 milhões de euros, uma queda de 51,3% face aos 70,63 milhões do período homólogo de 2014.


A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado kman 29.05.2015

Segunda ja sobe UPA

comentários mais recentes
kman 29.05.2015

Segunda ja sobe UPA

pub