Sector da construção em Portugal regista a maior queda da União Europeia
17 Abril 2013, 10:24 por Ana Luísa Marques | anamarques@negocios.pt
5
Enviar por email
Reportar erro
A produção no sector da construção português acentuou a tendência negativa dos últimos meses. O sector registou em Fevereiro uma queda homóloga de 20,9%, a maior da União Europeia.

A produção no sector da construção em Portugal registou no mês de Fevereiro uma queda homóloga de 20,9%, revelam os números do Eurostat divulgados esta quarta-feira, 17 de Abril.

 

Esta foi a maior queda entre os Estados-membros da União Europeia e segue-se a uma quebra de 20,5% no primeiro mês do ano. O sector está em queda há, pelo menos, seis meses consecutivas, tendo sempre ao longo deste período registado quedas superiores a 18%.

 

A queda registada em Portugal foi não só a maior, como ficou bem acima das registadas em outros Estados-membros. A segunda maior queda, por exemplo, foi registada na Polónia e foi de 13,1%. Na Eslovénia, onde a produção caiu 21,4% em Janeiro, a quebra foi de 11,3%.

 

Entre os 27 Estados-membros, para os quais existem dados referentes a Fevereiro de 2013, a produção na construção subiu em seis e caiu em oito. As maiores subidas registaram-se na França (8,7%), Bulgária (7,8%), Hungria (7,1%) e Alemanha (6,2%).

 

No conjunto da União Europeia o sector registou uma quebra homóloga de 1,1%, enquanto na Zona Euro recuperou de cinco meses consecutivos em queda com uma ligeira subida de 0,8%.

  

(Notícia actualizada às 10h59)

5
Enviar por email
Reportar erro
pesquisaPor tags:
alertasPor palavra-chave: