Construção Teixeira Duarte ganha obra de 65 milhões no Brasil

Teixeira Duarte ganha obra de 65 milhões no Brasil

A construtora anunciou que vai recuperar e restaurar uma ponte em Florianópolis, no Brasil. A obra na estrutura deverá durar dois anos e meio.
Teixeira Duarte ganha obra de 65 milhões no Brasil
Paulo Zacarias Gomes 11 de março de 2016 às 18:33
A construtora Teixeira Duarte ganhou, através da sua participada, um contrato no Brasil no valor de 65 milhões de euros, anunciou esta sexta-feira, 11 de Março. Em causa está a recuperação e restauro da ponte Hercílio Luz, na cidade de Florianópolis.

Em  à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a companhia refere que o contrato foi ganho pela subsidiária Teixeira Duarte - Engenharia e Construções, S.A e assinado esta quinta-feira com o Departamento Estadual de Infraestrutura de Santa Catarina.

O prazo previsto para execução da obra é, acrescenta o documento, de 30 meses.

A ponte Hercílio Luz (nome do seu construtor) foi inaugurada em Maio de 1926 originalmente baptizada como "Ponte da Independência", destinada à passagem de veículos e de peões.

A estrutura foi encerrada em várias ocasiões devido a problemas estruturais e há dez anos que se encontra em reabilitação. Tem 819 metros de comprimento e duas torres com 75 metros de altura e é considerada património arquitectónico do Brasil. 

De acordo com as contas da construtora, o volume de negócios da Teixeira Duarte no Brasil caiu 44% nos primeiros nove meses de 2015 em relação ao período homólogo de 2014, para os 32,77 milhões de euros. O mercado brasileiro representou cerca de 10% da facturação total do grupo até Setembro de 2015.

A empresa espera que em 2016 a facturação neste mercado aumente para 81,8 milhões de euros, atingindo em 2017 os 64,6 milhões de euros.

Além da actividade de construção, a Teixeira Duarte desenvolve ainda os negócios de concessões e serviços, imobiliária e distribuição no mercado brasileiro. 

Os títulos da Teixeira Duarte fecharam a sessão desta sexta-feira a valorizar 4,81% para os 28,3 cêntimos.

(notícia corrigida às 18:41 depois de nota rectificativa da empresa, que indica que será a Teixeira Duarte - Engenharia e Construções, S.A a dona da obra e não a EMPA, SA, como anteriormente divulgado.

A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
santos 11.03.2016

a tdu vai disparar e bem , pois é uma acçao com potencial de 400 % de subida , mas os analistas aqui nada dizem , pois querem mamar e comprar barato . estes analistas so mandam comprar quando a acçao ja la esta em cima , so rir.

genio2 11.03.2016

E vai receber?

pub
pub
pub
pub