Desporto Estas foram as maiores vendas de Benfica, FC Porto e Sporting este defeso

Estas foram as maiores vendas de Benfica, FC Porto e Sporting este defeso

Benfica, FC Porto e Sporting facturaram cerca de 126 milhões de euros com a venda de jogadores este defeso. Os "dragões" foram responsáveis por mais de metade deste valor.
Pedro Curvelo 06 de setembro de 2018 às 18:30
Benfica, FC Porto e Sporting facturaram cerca de 126 milhões de euros com a venda de jogadores este defeso, substancialmente abaixo dos 251 milhões do ano passado. Os "dragões" foram responsáveis por mais de metade deste valor.

O FC Porto liderou as vendas, facturando 65 milhões de euros, ligeiramente abaixo dos 69,7 milhões do ano anterior. Diogo Dalot e Ricardo Pereira, por 22 milhões de euros cada um, foram as principais vendas. Nota ainda para a transferência de Willy Boly por 12 milhões.

O Benfica, que no ano passado bateu recordes de vendas com as saídas de nomes como Ederson, Lindelöf, Nelson Semedo e Mitroglou, facturando 130,7 milhões, este defeso encaixou apenas 30,2 milhões. O jovem João Carvalho, transferido por 15 milhões, representou metade deste montante. André Horta, por 5,7 milhões, e Cristante, por cinco milhões, foram os outros negócios mais volumosos.

O Sporting, que perdeu alguns jogadores importantes com rescisões na sequência das agressões em Alcochete, tem em curso vários contenciosos para ser ressarcido. Mas, para já, as vendas valeram 30,75 milhões de euros, abaixo dos 50,7 milhões do ano passado. William Carvalho, transferido por 20 milhões de euros, foi a saída que mais receita gerou. Seguem-se Piccini, por oito milhões, e Tobias Figueiredo, por 2,3 milhões.



pub