Europeu Je suis dégueulasse mais je suis en finale

Je suis dégueulasse mais je suis en finale

"Não valho nada, mas estou na final". Foi assim que na quarta-feira à noite reagiram muitos portugueses, depois de Portugal eliminar a selecção do País de Gales e se apurar para a final do Euro2016.
Je suis dégueulasse mais je suis en finale
Reuters
Carla Pedro 07 de julho de 2016 às 22:31

Na semana passada, o jornal francês 20 Minutes escrevia que "Ce Portugal est dégueulasse mais il est en quarts " [Esta selecção de Portugal é muito má, mas está nos quartos de final], o que gerou controvérsia e muitas trocas de "galhardetes".

 

A crítica prendia-se com o seu "jogo restritivo" e pelo facto de não ter ganho um único jogo dentro do tempo regulamentar – algo que acabou por acontecer ontem frente ao País de Gales.

Acontece que dégueulasse significa também "nojento" e "repugnante", o que veio piorar as coisas.

 

No dia seguinte, o 20 Minutes pediu desculpas pela expressão utilizada, com o jornalista responsável pela peça, François Launay, a dizer que não tinha sido sua intenção ofender Portugal e pedindo para pararem com as ameaças de morte.

 

O 20 minutes acabou também por alterar o título para "cette équipe portugaise n'est pas belle mais elle est en quarts" [Esta equipa portuguesa não é boa, mas está nos quartos].

 

Apesar do pedido de desculpas e da retirada da depreciativa expressão do título da notícia, os portugueses não esqueceram. Ontem, depois de Portugal ter eliminado o País de Gales, nas redes sociais Facebook e Twitter muitos escreveram "Je suis dégueulasse mais je suis en finale" [Não valho nada, mas estou na final], o que levou grande parte da imprensa a relatar o facto, considerado pela Europe1 como "a vingança do mal-amado".


Curiosamente - ou ironicamente - é com a selecção francesa que Portugal vai disputar a final deste Euro2016, depois de os gauleses terem eliminado esta noite a Alemanha.





pub