Empresas  Feira de negócios Biomarine vai ter lugar em Lisboa em 2018

Feira de negócios Biomarine vai ter lugar em Lisboa em 2018

A realização da feira de negócios do mar em Lisboa no próximo ano vai ser anunciado esta sexta-feira pela ministra do Mar, Ana Paula Vitorino.
 Feira de negócios Biomarine vai ter lugar em Lisboa em 2018
Miguel Baltazar/Negócios
Negócios 25 de agosto de 2017 às 10:31
A feira de negócios Biomarine vai ter lugar em Lisboa em 2018. O evento regressa a Portugal depois de ter sido realizado na vila de Cascais em 2014.

A Biomarine é uma feira que decorre actualmente e tem "como objectivo acelerar oportunidades de negócio e o desenvolvimento de novos investimentos na área da biotecnologia e dos novos recursos marinhos", anunciou o Ministério do Mar esta sexta-feira, 25 de Agosto. 

Esta sexta-feira vai também ser assinado um protocolo de apoio à realização da Feira de Negócios Biomarine 2017 que vai ter lugar no Canadá. O acordo vai ser assinado entre a organização da Biomarine e as direcções-gerais de Política do Mar e a de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos.

Segundo a organização, esta é uma plataforma única de negócio que reúne cerca de 300 investidores, governantes, gestores e presidentes executivos ligados à economia do mar, em sectores como a produção alimentar, saúde e nutrição ou energia.

Desde a primeira edição em 2008 até à última edição que teve lugar em 2016, a organização estima que tenham sido realizados negócios durante o evento no valor de 155 milhões de euros.

A edição que teve lugar em Cascais em 2014 detém o recorde do valor mais elevado de negócios realizados: 53,1 milhões de euros.



A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub